A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Agosto de 2017

03/11/2013 16:47

Deputado diz que se Câmara não cassar Bernal irá se expor ao “ridículo”

Leonardo Rocha
Deputado diz que não existem evidências de corrupção e vereadores podem se expor ao ridículo (Foto: Divulgação)Deputado diz que não existem evidências de corrupção e vereadores podem se expor ao ridículo (Foto: Divulgação)

O deputado estadual Amarildo Cruz (PT) destacou que se a Câmara Municipal não decidir pela cassação do prefeito Alcides Bernal (PP) irá se expor ao “ridículo”, já que montou uma Comissão Processante baseada nas denuncias da CPI do Calote.

“Ou vão cassar o prefeito ou irão se expor ao ridículo perante a população, pois ficaram um bom tempo debatendo e apontando irregularidades do prefeito, mesmo que não haja nenhum caso de corrupção”, apontou ele.

De acordo com Amarildo, as criticas feitas ao prefeito são “acima do tom”, já que ele tem apenas dez meses de mandato e teve que lidar com muita pressão do legislativo.

“Temos que respeitar os 200 mil votos que ele teve na eleição, não há nada contra ele, esta situação é muito delicada, temos que analisar com calma a responsabilidade de cada um”, ponderou.

Parecer – O relator da Comissão Processante, o vereador Flávio César (PT do B) deve entregar na próxima terça-feira (5) o parecer sobre a defesa de Bernal ao presidente, o vereador Edil Albuquerque (PMDB), que após receber deve reunir a comissão para decidir sobre o arquivamento do pedido ou a continuação do processo.




A questão não é ética, nem moral mas FINANCEIRA!!!...
 
Gerson Santos em 03/11/2013 21:05:03
Ou cassam ou tem que ser cassados,tanta confusão p/ nada .Os eleitores não são palhaços
 
Lia Alves em 03/11/2013 17:43:19
Acho de uma babaquice sem tamanho essa conversa de "respeitar os 200 mil votos" do fulano. Se o cara aprontou na prefeitura, que se danem os 200 mil votos.
 
Sergio Arantes em 03/11/2013 17:05:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions