A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Outubro de 2019

27/04/2019 13:27

Deputados já se articulam para disputar prefeitura da 2ª maior cidade de MS

Parlamentares admitem interesse em disputar o cargo e vão tentar indicação de partidos

Leonardo Rocha
Deputados Marçal Filho (PSDB) e José Carlos Barbosa (DEM) admitem interesse em disputar prefeitura (Foto: Assessoria/ALMS)Deputados Marçal Filho (PSDB) e José Carlos Barbosa (DEM) admitem interesse em disputar prefeitura (Foto: Assessoria/ALMS)

Faltando um ano para eleição, alguns deputados estaduais já demonstram interesse em disputar a prefeitura de Dourados, segunda maior cidade do Estado. Entre eles aparecem José Carlos Barbosa (DEM), Marçal Filho (PSDB) e Renato Câmara (MDB), que inclusive participou do pleito de 2016.

Os parlamentares admitem que ainda é cedo para “firmar” participação na eleição, no entanto destacam que vão buscar as indicações em seus respectivos partidos. José Carlos Barbosa foi o primeiro a reconhecer que pretende ser candidato, logo no começo do ano, quando iniciou os trabalhos legislativos.

O democrata já tinha interesse de concorrer em 2016, no entanto foi convencido pelo partido e governador Reinaldo Azambuja (PSDB) a não sair candidato, sendo escolhido como secretário estadual de Segurança, em abril de 2016. “Entendo que chegou a minha vez de concorrer ao cargo”.

O deputado Marçal Filho (PSDB), também admitiu que quer disputar a eleição. “Como vice-líder do PSDB na Assembleia, tenho interesse em fazer parte da executiva estadual, até porque pretendo ser candidato a prefeito”, pontuou.

Sem “cravar” a participação, mas mostrando interesse, Renato Câmara (MDB) afirmou que no momento certo vai conversar com o partido e sua base eleitoral, para definir se concorre novamente ao cargo. “Na hora certa vamos colocar o assunto na mesa, para decidir se vou concorrer”.

Quem faz a defesa da atual gestão é o deputado Neno Razuk (PTB), filho da prefeita de Dourados, Délia Razuk (PR). Ele já usou a tribuna da Assembleia, para dizer que as críticas ao município têm “interesses eleitorais”, já tentando antecipar o debate do ano que vem.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions