ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, SEGUNDA  28    CAMPO GRANDE 25º

Política

Deputados mantêm veto a projeto que previa venda de vacina em farmácia

Intenção da proposta era dar mais uma opção para quem precisar tomar determinada vacina

Por Mayara Bueno e Leonardo Rocha | 12/04/2018 11:37
Deputados durante a sessão de hoje. (Foto: Luciana Nassar/ALMS).
Deputados durante a sessão de hoje. (Foto: Luciana Nassar/ALMS).

Os deputados estaduais mantiveram, na sessão desta quinta-feira (dia 12) na Assembleia Legislativa, o veto ao projeto que previa venda e aplicação de vacinas pelas farmácias e drogarias. Com a medida, a proposta é arquivada de vez.

Conforme o autor do projeto, o deputado Rinaldo Modesto (PSDB), alegou que a intenção era dar mais opção para a população para que pudesse se vacinar, em casos como H1N1, em situações de falta da vacina em postos de saúde e clínicas particulares.

A medida foi aprovada pela casa de leis, mas o governo alegou que o tema é competência do governo federal e vetou a proposta. O caminho foi seguido por 14 parlamentares hoje, que votaram pela manutenção do veto.

Os que foram contrários à proibição são Pedro Kemp, Amarildo Cruz e Cabo Almi, todos do PT, além de Rinaldo Modesto, do PSDB.

Regras de comentário