A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

15/12/2010 08:46

Artuzi culpa Passaia, nega propinas e ameaça de morte

Aline dos Santos
Artuzi no dia de depoimento ao TJ, enquanto ainda estava preso.Artuzi no dia de depoimento ao TJ, enquanto ainda estava preso.

Depois de 90 dias na prisão e de renunciar à prefeitura de Dourados, Ari Artuzi (expulso do PDT), quebrou o silêncio e, em entrevista a uma emissora de TV, se defendeu das denúncias feitas na Operação Uragano.

“É uma armação com várias pessoas”. Porém não cita nomes de quem agiu para incriminá-lo. “Eu não suspeito de ninguém. Mas tem que descobrir a mando de quem o [Eleandro] Passaia fez isso”, declarou em entrevista ao jornal Bom Dia MS, da TV Morena.

O ex-prefeito questiona a gravação em que recebe R$ 10 mil. No vídeo, ele aparece na varanda de sua casa, contando o dinheiro. “A grande verdade é que não é [propina]. Foi um terreno que vendi por R$ 20 mil e recebi R$ 10 mil, foi passado escritura”, afirma.

Artuzi ainda defende a sua esposa Maria Artuzi, que também ficou mais de três meses na prisão. Ele explica que a gravação em que a ex-primeira-dama aparece recebendo dinheiro trata-se, na verdade, do pagamento da segunda parcela pela venda do terreno, também no valor de R$ 10 mil.

“Por isso que a minha esposa fala que precisa de mais [dinheiro]”. Conforme Artuzi, ela recebeu a metade do valor, enquanto esperava receber os R$ 20 mil.

Já a PF (Polícia Federal), responsável pela Uragano, informou que a propina é relativa à compra de um terreno pela prefeitura de Dourados para construção de um conjunto habitacional. O

município teria pago R$ 480 mil, sendo R$ 80 mil a mais do que o valor de mercado. De acordo com a denúncia, o montante seria repassado em várias parcelas ao prefeito.

Rapaz – Na entrevista, Artuzi dirigiu a artilharia contra Eleandro Passaia, que fez a denúncia à PF e gravou o pagamento de propina ao ex-prefeito e vereadores. Ele era homem de confiança de Artuzi e ocupava a secretaria de Governo.

Questionado sobre a origem do dinheiro entregue a vereadores, Artuzi rebateu que a pergunta tinha que ser feita a Passaia. “Tem que perguntar para aquele rapaz, chamado acho que Passaia. Ele que tem que falar onde pegou o dinheiro, de mim não foi. Se ele pegou dinheiro, ele tinha que ter ido para cadeia. Não eu”.

Medo – Apesar de ter sido transferido de delegacias de campo Grande sob a justificativa de ameaça de morte, porém Artuzi nega. “Tudo isso é mentira. Porque se quisessem me matar, tinham ido no meu sítio e me dado um tiro. O lugar mais fácil de me matar é lá. Eu não tenho medo”.

Presidente Michel Temer deve ter alta na manhã desta sexta-feira
O presidente Michel Temer deverá ter alta hospitalar na manhã desta sexta-feira (15), informou o médico Roberto Kalil Filho, que coordena os cuidados...
Interrogatório de Lula na Operação Zelotes é marcado para fevereiro de 2018
A Justiça Federal em Brasília marcou para o dia 20 de fevereiro de 2018 os interrogatórios do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de seu filho ...
Senado aprova desconto de dívidas de produtores rurais e texto segue para sanção
O Senado concluiu a votação, nesta quinta-feira (14), do projeto que permite a renegociação das dívidas de produtores rurais, estabelecendo descontos...


E´uma palhaçada mesmo , um indivíduoi como esse , dizer que é armação para cima dele...santinho ele mesmo, mais teriam que prender tb essses vereadores corruptos que estavam com ele e fazer devolver oque é do povo...parabéns novamente a policia...
 
ALEXSANDRO DA ROCHA em 15/12/2010 12:26:58
COMO DIZ O DATENA: É BRINCADEIRA COMANDANTE HAMILTOM.
 
francisco sales em 15/12/2010 12:23:55
Olha, é lamentável o que vem acontecendo no meio político brasileiro e Campo Grande não foge à regra.
Eleandro Passaia fez uma série de denúncias que culminaram com Operação Uragano da PF e a consequente prisão de várias pessoas. Em sua obra (livro), Eleandro Passaia denunciou vários políticos deste Estado, na verdade quase todos, denúncias graves, incluindo aí os Chefes de Poder como o Procurador Geral de Justiça, o TJMS, todos os Deputados Estaduais entre outros.
O CNJ e o CNMP estiveram nesta capital para averiguar e fiscalizar. Perda de tempo.
Gastaram o nosso dinheiro com hotéis, passagens, traslados e muito mais.
Se estas Instituições fossem sérias, e aqui eu digo o CNJ por exemplo, no mínimo o Desembargador Presidente do TJ deveria ser afastado.
A ação penal ou administrativa nós já sabmos o resultado.
Na verdade, hoje no Brasil, e esta é a minha opinião, todos os envolvidos no escândalo são culpados até prova em contrário, o que é um disparate jurídico, eu sei, mas é a realidade.
Mas o povo tem sua parcela de responsabilidade nisso, pois os políticos larápios receberam milhares de votos inclusive com recordes. Se nós não mudarmos o nosso comportamento nas urnas a situação tende a se complicar ainda mais. Se o círculo estiver fechado na corrupção, como eu acredito que esteja, só nos resta então, o voto.

Arivan
 
Arivan Silveira em 15/12/2010 12:13:09
Coitado do Artuzi,quando ele souber que isso foi graças a ele ter peitado um homem que disse que ele era anima de pelo curto, ela vai chorar.
 
José Cipriano em 15/12/2010 12:01:40
A justiça seja feita.
Se os homens não fizerem tenho certeza que Deus fará.
Nenhum desses homens envolvidos poderá enganar Deus.
 
Queila Lelis em 15/12/2010 11:57:16
eu lendo essa materia quase chorei, de do desse politico, homem honesto sendo acusado de receber propina desvio de dinheiro, corrupçao, e mais emocionado fiquei vendo ele se defender , coitado recebeu o dinheiro da venda do terreno na casa dele, sentado na cadeira de balançao de chinelos bem a vontade mesmo, tadinho, o bom e que eles todos pensam que nos somos bestas, trouxas, otarios... vai andando malandro.
 
luiz fernandes em 15/12/2010 11:43:58
Tem que ser apurado a verdade. Tem dedo de gente grande por tràz de toda esta armação. Tem mais gente que tem que ser processado, o Sr. Ari Artuzzi poderá colaborar muito com as investigações. O denunciante não tão anjo assim não.
 
nelson dias neto em 15/12/2010 10:47:54
Coitado do Artuzi, é um homem de bem e que ficou encarcerado por 90 dias.Ele e sua mulher tem razão quando recebem pacotes de dinheiro; é da venda de um terreno-terreno da prefeitura!!!! Prum sujeito desse aí a justiça tem que arrestar seus bens e fazer doer em seu bolso, já que não admite o crime e tenta justificar! Era uma quadrilha por ele chefiada que agia sem nenhum escrupulo em prejuizo ao municipio. Que nome se dá aquele que é flagrado roubando a prefeitura? LADRÃO! Esse Passaia é outro! Deveriam permanecer presos.Onde já se viu os douradenses tendo um prefeito presidiário???
 
jorge neves em 15/12/2010 10:25:49
NÃO SE ESQUEÇAM QUE ELE FOI ELEITO PELO VOTO DIRETO E SECRETO DO POVO DE DOURADOS, VAI DAÍ...
 
DANIEL MONFARDINI em 15/12/2010 07:41:11
Desde quando o Artruzi era da camara municipal, ele e a corja que caiu com ele, roubam.
Todo mundo sabe disso. Mas tambem deveriam investigar o Tetila.
Pois acredito na justiça de Campo Grande, porque aqui em Dourados, a lei é só para quem pode pagar.O que seria do estado se a capital fosse aqui. Tanta gente morrendo ou morreu de fome ou em hospitais e postos de saúde. Denunciar aqui em Dourados, significa assinar sua sentença de morte.
 
Luzineide Santos em 15/12/2010 04:31:11
O Passaia aparece entregando o dinheiro mais não aparece recebendo, o dinheiro vem de um lugar, cade as imagens também.
 
djair meneses em 15/12/2010 03:16:47
Manda esse salafrário de volta para a cadeia.
 
Marcio V. Bartboza em 15/12/2010 03:10:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions