ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUARTA  20    CAMPO GRANDE 21º

Política

Em Sidrolândia, Reinaldo entrega obras e cartões do Mais Social

Governador também entregou títulos de regularização fundiária e autorizou mais obras

Por Adriel Mattos | 07/10/2021 20:27
Na cidade, mais de 1 mil pessoas são beneficiárias do Mais Social. (Foto: Edemir Rodrigues/Subcom-MS)
Na cidade, mais de 1 mil pessoas são beneficiárias do Mais Social. (Foto: Edemir Rodrigues/Subcom-MS)

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), entregou nesta quinta-feira (7) obras de infraestrutura e cartões do programa Mais Social a beneficiários de Sidrolândia, a 71 km da Capital. 42 títulos fundiários foram entregues.

Reinaldo entregou e autorizou obras, como a pavimentação asfáltica e drenagem das ruas Dr. Costa Marques e Projetada 3, que dão acesso ao frigorífico Balbinos, entregou 42 títulos de regularização fundiária do Conjunto Habitacional Diva Nantes, garantindo a posse dos imóveis, e assinou 15 termos de autorização de baixa de hipoteca e caução do extinto Previsul para moradores do Residencial Tereré.

Somente no acesso ao frigorífico, o investimento é de R$ 1,4 milhão, permitindo o desenvolvimento da região entre o bairro São Bento e o Jardim Paraíso e a geração de empregos.

“Esse investimento faz parte da política de dar às nossas empresas competitividade. É um pedido da prefeita Vanda (Camilo, do PP). Muitas outras obras estão em andamento para dar melhor condição de escoamento para os produtores e de ir e vir para todas as pessoas”, declarou o secretário de estado de Infraestrutura, Eduardo Riedel.

O governador ainda autorizou a licitação para a implantação do sistema de abastecimento de água com 300 ligações domiciliares e entregou três reservatórios, 8.577 metros de rede de distribuição, 520 ligações domiciliares de água e dois poços, em um investimento de R$ 12 milhões. Já a área de saúde foi contemplada com a autorização do repasse de R$ 1 milhão, em duas parcelas, para o hospital municipal.

Entregas - 1.352 sidrolandenses estão recebendo o cartão do Mais Social e Dejamira dos Santos, de 64 anos, é uma dessas beneficiárias, que está migrando do antigo Vale Renda.

“É uma ajuda muito boa. Meu marido e meu filho, que moram comigo, trabalham com reciclagem e tem meses que não acham muita latinha, mas aí temos essa segurança. Estou muito contente. Não tenho do que reclamar”, contou a dona de casa.

Reinaldo destacou a ampliação do benefício. “Sidrolândia tinha 319 famílias recebendo o antigo Vale Renda, agora são 1.368 recebendo o Mais Social. Vamos atender 100 mil famílias em Mato Grosso do Sul”, afirmou.

Além desses cartões, o Governo do Estado também entrega 708 cestas todo mês em Sidrolândia aos indígenas de cinco aldeias: Tereré, Nova Tereré, Córrego do Meio, Lagoinha e 10 de Maio.

Também participaram das agendas em Sidrolândia o presidente da Assembleia Legislativa, Paulo Corrêa (PSDB); os deputados estaduais Renato Câmara (MDB), Mara Caseiro (PSDB) e Gerson Claro (PP); a secretária Elisa Cleia Nobre (Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho); e a diretora-presidente da Agehab (Agência de Habitação Popular), Maria do Carmo Avesani, entre outras autoridades.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário