A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

16/12/2009 17:07

Emendas de deputados e senadores destinam R$ 394 mi a MS

Redação

Quase metade dos R$ 257 milhões de investimentos previstos em emendas parlamentares destinados para 2010 serão aplicados na manutenção ou pavimentação de rodovias em Mato Grosso do Sul. O relatório das emendas incluídas no Orçamento Geral da União foi divulgado pelo coordenador da bancada, deputado federal Valdemir Moka (PMDB).

Além das 15 emendas coletivas, cada deputado e senador apresentou emendas individuais no valor total de R$ 12,5 milhões para cada um. Isto representa mais R$ 137,5 milhões para o Estado, que receberá R$ 394,5 milhões no total, caso não haja contingenciamento por parte do Poder Executivo.

Das 15 emendas coletivas, R$ 122 milhões são destinados para a pavimentação e manutenção das rodovias federais: 262, 483, 463, 158 e 163. Principal rodovia do Estado, a BR-163, terá R$ 50 milhões.

Campo Grande receberá R$ 54 milhões para obras, como a construção do Centro de Belas Artes (R$ 12 milhões), casas populares (R$ 18 milhões), a conclusão do anel rodoviário entre as BRs 060 e 163 (R$ 12 milhões) e turismo (R$ 12 milhões).

Os demais investimentos são para saúde, obras na fronteira, Dourados e rota turística.

De acordo com Moka, o Orçamento da União para 2010 é o mais real e enxuto possível. "Fechamos uma proposta orçamentária que atenderá áreas essenciais para o nosso Estado", destacou.

O coordenador explicou que o relator-geral do orçamento, deputado federal Geraldo Magela (PT-DF) adotou o critério de destinar a cada bancada estadual 80% da média dos últimos orçamentos federais. "Foi a forma que o Congresso encontrou para atender a todos, em razão do pouco dinheiro disponível para investimentos em todo país" afirmou Moka.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions