A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

08/10/2012 17:55

Estagiária gera polêmica ao criticar eleição de índio

Elverson Cardozo
Post gerou indignação entre usuários da rede. (Foto: Reprodução/Internet)Post gerou indignação entre usuários da rede. (Foto: Reprodução/Internet)

Uma jovem, moradora de Dourados, causou polêmica na tarde desta segunda-feira (8) ao manifestar opinião preconceituosa sobre a vitória do guarani Aguilera de Souza, do PSDC, eleito vereador ontem (7), com 1.419 votos. É a primeira vez que o município elegeu um índio para ocupar uma vaga na Câmara Municipal da cidade.

Hoje, por volta das 15h30, em sua página no Facebook, Lucinha Manosso – como se identifica-, postou o seguinte comentário:

“O Estado tá perdido agora... Zeca do PT o vereador mais votado em CG! F* com o Estado quando foi governador... Um índio vereador de Dourados! E Ponta Porã... Ahhh, deixa para lá!” (sic)

O post gerou novos comentários ofensivos. Poucos minutos depois, Lucinha tentou se retratar, mas, novamente, se mostrou preconceituosa.

“Olha, eu não tenho nada contra índio... Só acho que eles deveriam viver isolado numa selva Amazônia vivendo da caça e pesca! Só dão prejuízo aqui no estado... #prontofaleitômaisleve”. (sic)

Ao se dar conta da repercussão negativa, ela excluiu a publicação, mas a página dela já havia sido “printada” por usuários da rede que passaram a compartilhar o post e demonstraram indignação com o fato.

Antes de apagar a publicação, Lucinha comentou a situação: “Ai, ai, ai, agora teve um a toa aí que deu um print e está me xingando... Primeiro! O face é meu, eu coloco aqui o que eu quero! Se não gostou, porque está aqui fuçando as minhas coisas?! Mais tem gente bem a toa mesmo hein...” (sic).

O Campo Grande News conseguiu o contato de Lucinha Manosso, mas a jovem não quis comentar o assunto alegando que estava ocupada.  Ela é estagiária de uma empresa de engenharia em Dourados e trabalha no escritório da firma há aproximadamente 1 ano.

Aguilera de Souza, morador da Aldeia Jaguapiru, em Dourados, foi o 1º indígena eleito no município. (Foto: André Bento/Dourados Agora)Aguilera de Souza, morador da Aldeia Jaguapiru, em Dourados, foi o 1º indígena eleito no município. (Foto: André Bento/Dourados Agora)

A reportagem tentou falar com o vereador eleito Aguilera de Souza, e a informação fornecida é de que ele estava participando de uma passeata, comemorando a vitória, pela área indígena de Dourados.

Vitória – O primeiro indígena eleito em Dourados, município que fica a 225 quilômetros de Campo Grande, é professor e pedagogo. Aguilera de Souza mora na Aldeia Jaguapiru, uma das reservas indígenas da região.

Pela classificação final divulgada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o índio conquistou a 17º posição na disputa eleitoral que teve 218 nomes e 19 candidatos eleitos para a Câmara Municipal.

Em entrevista ao jornal Dourados Agora, Aguilera comentou a vitória e disse que hoje a aldeia onde mora tem um líder político.

“Foram anos esquecidos pelo poder público, mas a população indígena entendeu a importância de se organizar e lutar por seus direitos”, afirmou, ao dizer que, sem representante na Câmara Municipal, não haveria mecanismos em termos de representatividade.

Em Dourados, outros três indígenas disputaram a vaga no Legislativo: Wilson Matos, Curu e Jorge Paredes.



ESSA COITADA AÍ DA LUCINHA MANOSSO, ACHO QUE É ESSE O NOME DESTA CRIATURA, INFELIZMENTE, MANIFESTA A OPINIÃO DE UM PARCELA SIGNIFICATIVA DA SOCIEDADE. A QUESTÃO É QUE ELA NÃO ESTÁ SÓ NESTE PONTO DE VISTA CARREGADO DE IGNORÂNCIA E DESINFORMAÇÃO. DEVE GOSTAR DE BIG MAC, DEVE OUVIR SERTANEJO UNIVERSIOTÁRIO, E COM CERTEZA DEVE QUERER SER RICA COMO OBJETIVO DE VIDA. PESSOA VULGAR, FÚTIL E TOTALMENTE DESINFORMADA EM RELAÇÃO AS GRANDES QUESTÕES DA HUMANIDADE NESTE TERCEIRO MILÊNIO. "INVEJO A IGNORÂNCIA, POIS ELA É TERNA" NELSON RODRIGUES
 
LUIZ EUGENIO DE ARRUDA em 11/10/2012 15:10:12
Aos que estão dizendo que criticar o Tiririca pode mas o índio não, esses também estão completamente fora da razão. As pessoas criticaram o Tiririca pela falta de escolaridade e não pela raça. Raciocinem melhor.
 
Paulo Miranda em 10/10/2012 16:03:41
PARABÉNS ao índio eleito, com certeza conseguiu o fato por mérito e não com compra de votos!!! Para a mocinha que fez o comentário infeliz não há o que falar, é fruto de uma geração de pouca cultura que só tem coragem de expressar as idéias pelo computador...pobre estagiária...perdeu para o índio "dito" não civilizado por ela mesma!!!
 
João M Souza em 10/10/2012 08:20:25
Parabens meu irmão indigena é dessa forma q nos ve, mais isso é nosso espaço porque q essa garota não procura fazer o mesmo e conquistar seu espaço na luta em de ter um grande preconceito contra uma etnia indigena, vai em frente jamis isto vai te ofender pelo contrario vai te alavancar mais.
 
Valdelei Oliveira em 10/10/2012 08:15:32
Parabéns ao meu patrício.Aguilera a sua luta, visão e objetivo com certeza é o combustível para se manter forte e em pé contra todos os obstáculos. Não falo apenas de palavras, mas de conhecimento de causa vivida, pois também enfrento todas as adversidades do mundo que se diz "CIVILIZADO". Para esclarecimento a "todos" temos vários nativos no legislativo e alguns alcançando o executivo, basta fazer a pesquisa neste território do meu Brasil amado. Irmão sucesso na sua legislatura. ESTAGIÁRIA" estamos lhe vendo de uns degraus acima, aproveite a oportunidade na universidade para adquirir conhecimento e mudar a sua visão das pessoas, ou tu sempre serás um empecilho da sociedade, porém, como todos acredito muito na sua mudança e torço para que isso aconteça. Paulo Moreira (DIREITO/CONTABILISTA)
 
Paulo Moreira em 09/10/2012 17:31:45
Eu acho super certo criticar os políticos, se é a opinião dela não gostar do Zeca ou de alguma pessoa de PP...tudo bem fala no face, que é dela
Porém eu acho triste muito triste a colocação dela, em dizer: Um índio em Dourados! reflete o preconceito e a desinformação em achar que um indígena não tem a capacidade de ser um vereador! Ele deve ser mais inteligente que ela mesma! Não tenho dúvidas.
 
Ane Flores em 09/10/2012 12:12:04
Tambem sou contra o preconceito e tenho a maior respeito por todos. PARABÉNS AO GRANDE E CORAJO AGUILLERA QUE AGORA DEVERÁ PROVER LEIS QUE AMPAREM OS INDIOS DE UMA FORMA MAIS JUSTA E HUMANA.
 
Darci Casara em 09/10/2012 11:19:40
Mas...e aí....ela ainda não perdeu o emprego. Essa empresa de Engenharia não vai dispensa-la.....ACORRDAAAAAAA POVO.
 
João Carlos Lopes de Souza em 09/10/2012 10:11:29
esta jovem é a geração do faceburro, não dê trela para esse tipo de gente
 
joão roberlei rondina em 09/10/2012 09:52:34
Quanta hipocrisia, é a ditadura do politicamente correto? Criticar o Tiririca pode né!
 
Mateus da Silva em 09/10/2012 09:41:22
São por essas e outras q vemos, índios queimados vivos, mendigos, homossexuais, tenho pena de um ser humano aparentemente esclarecido fazendo esse tipo de comentários, #SIMPLESMENTEPENA
 
Leide Espíndola em 09/10/2012 09:14:29
Quero iniciar meu comentario citando a Constituição Brasileira de 1988 o Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes: I - homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações, nos termos desta Constituição; Nossa lei maior citada acima é clara, portanto é muito triste constatar que existam pessoas em nosso pais sem o menor conhecimento sobre nossa lei, todos nos somos iguais, portando podemos exercer nossa cidadania em obrigaçoes e deveres, se eu posso e tenho direito a votar e ser votada, todo e qualquer cidadão brasileiro tb pode, um indigena é tão cidadão qto qualquer um.
 
SOLANGE VIEIRA DO CARMO em 09/10/2012 09:07:38
Essa garota, está deprimida por que sua mãe Profa Dulce Manosso perdeu a eleição em Ponta Porã e um indio em Dourados ( colegio eleitoral muito maior) elegeu um indio.É pra acabar...
 
pedro sakae em 09/10/2012 08:50:16
O “preconceito” é um (pré)conceito, uma pré noção, algo que se “estrutura” como “noção”, como “conceito” sem ter passado pelo crivo da inteligência, da reflexão. O preconceito vem a nós pelo costume, pela aparência, pelo hábito, pela repetição. Há preconceitos que só dizem respeito a nós (como gostar de jiló ou não), mas quando os preconceitos se referem a pessoas, a situações que envolvem pessoas, ele é muito perigoso não só porque nos afastam das pessoas, mas porque magoam, maltratam, ultrajam as pessoas.
Do preconceito ao racismo existe uma distância muito tênue. O preconceito se passa em nível interno (do ponto de vista do conhecimento – errôneo), o racismo se passa em nível externo, do ponto de vista comportamental.
 
Rogéria Fonseca em 09/10/2012 08:45:19
É LAMENTAVEL QUE UMA PESSOA COM O ESCLARECIMENTO QUE POSSIVELMENTE DEVE TER TIDO ,POIS SE É ESTAGIARIA DE ENGENHARIA COM CERTEZA DEVE TER FEITO O ENSINO FUNDAMENTAL NÃO VOU FALAR NEM DO ENSINO MEDIO..OU TALVEZ ADQUIRIU TUDO ISTO COMPRANDO OS MODELOS DE ALGUMA ESCOLA FRAUDULENTA QUE EXISTE POR AI...ACHO QUE O C.R.E.A deveria rever a documentação desta moça..é VERGONHOSO ESTE TIPO DE COMENTARIO E ATITUDE.ela me lembrou uma menina da novela da globo que chamava qualquer pessoa de nomes feios e humilhante bastava ser POBRE ....É LAMENTAVEL.
 
Haroldo J.F. Nogueira em 09/10/2012 08:39:52
Cada dia que passa temos mais indigenas mestres e doutores, e ela com essa cabeça alienada, ainda estagiária e achando que é melhor que alguma pessoa. Mais a "coitada" também "não" tem culpa, ja que é fruto dessa sociedade oliguarquica que pensa que o centro do mundo são eles. Humildade sempre, e agora é tratar a "cabecinha" dela e boa sorte ao futuro vereador Aguilera e que faça um bom trabalho junto a comunidade indigena em geral, lembrando que o mesmo é professor, ou seja, possuiu uma graduação, coisa que a estagiaria ainda não possui. Respeito acima de tudo!!!
 
bruno blini em 09/10/2012 08:14:11
Os indios moravam em florestas e viviam de caça e pesca, porém o Brasil foi INVADIDO, ops! DESCOBERTO por pedro alvares cabral. Depois disso tentaram tirar os indios de suas terras de todas as maneiras. Os poucos que sobreviveram não tem mais florestas para morar. E caçar é proibido. E agora???
 
Francisca Mesquita em 09/10/2012 08:03:10
Parabéns ao Prof Aguilera de Souza!!! Sua aprovação para a Câmara Municipal serve para demonstrar a pessoas como Lucinha Manosso que de "selvagem" os indígenas não tem nada, mas sim, capacidade de "colocar a cara a tapa" e vencer, coisa que ela não foi capaz. Isso deve ser comemorado com muiiiiiita alegria e respeitado pq não foi vencido apenas os adversários políticos, mas uma sociedade elitista e preconceituosa em que vivemos.
 
Mario Salvador em 09/10/2012 07:47:00
quem teria que estar presa em selva Amazonica é essa desocupada, não possivel que no tempo de hoje ainda aja preconceito dessa maneira. Indio é cidadão como outro qualquer. e Parabéns pelo seu merito vereador
 
nayara afelix em 09/10/2012 07:40:42
Nossa... Elegem Palhaço e Personagens de TV, mas quando se trata de índio é absurdo??? hehehe Complexo hein. Sorte e Competência ao Aguilera de Souza.. Que mostre que tem capacidade e honestidade para ocupar o cargo ao qual foi eleito.
 
Junior Lopes em 09/10/2012 07:38:55
Ela ainda vai saber o que é falar besteira..............
 
Adelir Rigon em 09/10/2012 07:29:14
Engraçado, falar mal do TIRIRICA pode né!? Ô ditadura burra essa do POLICAMENTE CORRETO... hipocrisia na veia.
 
Mateus Dourados em 09/10/2012 07:23:22
Esta garota deveria ser punida, mandando ela para amazonia e viver de caça e pesca, ai eu quero ver se ela sobreveria com seus proprios precoceito!
 
Sueli Alves em 09/10/2012 03:28:18
esse povo so tem preconceito essa lucinha e muito preconceituosa tem que excluir o face dela ela prefere esse ladrao do zeca do pt o Aguilera de Souza vai ser melhor que o zeca do pt
 
Fernando Alencar Correa de Oliveira em 09/10/2012 01:45:15
Essa faz parte do quadro de estudantes de ensino superior que nem sabe o que é a faculdade , não tem nenhuma noção sobre ética , isso é uma futura profissional , lamentável como acadêmica de direito abomino essa pessoa !
 
Katherine Stalin em 08/10/2012 23:52:56
Que triste moça universitaria ! Voce deveria procurar saber mais sobre essa cultura que é das mais belas.1 Pena que seja pouca aculturada,vá ler mais....
 
deolinda fleitas em 08/10/2012 21:06:02
Em primeiro lugar parabéns ao indígena Aguilera de Souza por ter sido eleito. Se trata de um acontecimento muito importante não apenas para Dourados como para todo o estado de MS, falando de nossa história e cultura. Quanto ao comentário sem dúvida infeliz da internauta, é lamentável a falta de conhecimento da história de seu próprio povo. Pois, os povos indígenas são parte de nossa história, e sempre serão!
 
Danny Vilhalba em 08/10/2012 20:48:37
Eita preconceito feio! Vc usa seu tempo livre pra esse tipo de comentário? Respeito eh bom e todo mundo gosta. Acorda pra vida garota.
 
Joana Queiroz em 08/10/2012 20:37:29
Preconceito é coisa que vem de berço, é difícil de corrigir, mas bem que ela poderia dar uma melhoradazinha no português.
 
Américo Soares de Souza em 08/10/2012 20:31:22
E por sinal essa pessoa é filha de uma vereadora em ponta porã que não foi releita.
 
Ana Paula Silveira em 08/10/2012 20:22:48
É por causa de atitudes como as desta "estagiária" que a situação do mundo vai mal. Espera-se que um povo instruído fique livre do preconceito e do racismo.Ou não tentaram ensinar nada a essa Lucinha Manosso na escola ( o que duvido ) ou ela não aprendeu nada ( o que é bem provável).Que pena que muitos de nossos jovens, cujos pais foram à luta buscando democracia e igualdade nos anos 1970 e 1980, hoje se orgulham de serem racistas, preconceituosos e despolitizados.Pobre futuro.
 
ANGELA MARIA SILVA em 08/10/2012 19:45:28
Hipocrisia onde? Vc pensa igual ela Thais? Se for esse seu pensamento, que dó de vc. Se coloque no lugar dele e perceba se gostaria de ser tratada desse modo. Creio q n existe mais espaço no mundo para preconceitos, onde temos mais com q nos preocuparmos. Um exemplo eh com a farra com o dinheiro publico.
 
Moacyr Neto em 08/10/2012 19:44:29
Fico Muito Impressionado Quando Vejo e Leio Coisas Desse Tipo Principalmente de Jovens. Nem Mesmo Que Essa Moça Revoltada Fosse a Pessoa Perfeita no Mundo Não Poderia Falar Essas Asneiras. Tenho Absoluta Certeza Que o Vereador Indio Tem Muito Mais Inteligencia e Atitude do Que Esta Moça Perturbada Aí , Pois Ele Esta Lá Na Camara , é Um Representante do Povo , Um Batalhador. E Ela ? Uma Revoltada Que Precisa Urgentemente de Um Longo Tratamento.
 
Gilberto Bras em 08/10/2012 19:24:32
De fato, é triste a situação. Não obstante, existe ser humano sem preconceito ?

Pense, reflita.
 
RAFAEL FURQUIM SILVA em 08/10/2012 19:05:10
Nao sei oque eh mais triste, preconceito ou hipocrisia afffff
 
Thais Caetano em 08/10/2012 18:16:18
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions