A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

12/04/2012 16:27

Giroto diz que PDT tem direito de ser vice, mas não há acordo fechado

Wendell Reis
Deputado declarou que partidos que já se declararam aliados têm o direito de querer indicar um vice(Foto: Minamar Junior)Deputado declarou que partidos que já se declararam aliados têm o direito de querer indicar um vice(Foto: Minamar Junior)

O deputado federal Edson Giroto (PMDB), pré-candidato a prefeitura de Campo Grande, declarou nesta tarde (12) que reconhece o direito do PDT de querer indicar um vice em uma futura composição em Campo Grande. Porém, garantiu que não há acordo fechado para que o partido indique seu vice.

O deputado avaliou que o PDT é um partido grande, com um bom tempo de propaganda na televisão e grandes nomes para indicar. Entretanto, afirmou que a conversa ainda precisa evoluir e não há nenhuma garantia de que o PDT indicará.

Giroto faz questão de ressaltar que as composições estão sob responsabilidade do governador André Puccinelli (PMDB) e do prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB). Todavia, reconhece que os partidos que já se declararam aliados têm o direito de querer indicar um vice.

Nesta manhã, o presidente estadual do PDT, ex-deputado federal Dagoberto Nogueira, informou ao Campo Grande News que o PDT pode se aliar ao PMDB sem indicar o vice. Ele informou que aguarda um documento formal estabelecendo o que o PMDB pode oferecer ao PDT em uma eventual aliança. Porém, revelou que este acordo não depende, necessariamente, da indicação de um vice na coligação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions