A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

14/06/2016 09:14

Governo anuncia R$ 96 milhões na segurança pública para investir até 2017

Recurso será destinado para compra de armas, equipamentos da polícia, viaturas de resgate, entre outros

Mayara Bueno e Leonardo Rocha
Governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB). (Foto: Fernando Antunes)Governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB). (Foto: Fernando Antunes)
José Carlos Barbosa, secretário de Segurança Pública. (Foto: Fernando Antunes)José Carlos Barbosa, secretário de Segurança Pública. (Foto: Fernando Antunes)

O governo estadual vai investir R$ 96 milhões na segurança pública de Mato Grosso do Sul até 2017. O recurso é para a aquisição de veículos, armas, munição, entre outros equipamentos, destinado a Polícia Militar, Civil e Corpo de Bombeiros. As ações fazem parte do programa MS Mais Seguro, anunciado nesta terça-feira (14).

De acordo com o secretário da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública), do total de investimento, R$ 80 milhões são recursos próprios do governo e R$ 1,3 milhão das emendas parlamentares. O montante do Executivo Estadual, segundo o secretário, era dinheiro que estava depositado no Banco Rural e também de economia do governo em 2015.

Hoje, já serão entregues algumas viaturas, primeiramente, para atender Campo Grande, segundo José Carlos Barbosa. Ao todo, são 54 motos, 166 espingardas, 60 carabinas semi-automática, duas camionetes, oito unidades de resgate, seis ABR (Auto Bomba Rápido), 230 armas e dois guinchos para o Corpo de Bombeiros. Também será destinado um veículo de R$ 6 milhões, para o combate de incêndio em prédios altos e assegurados R$ 10 milhões para reforma nos prédios públicos de segurança.

Segundo o governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), o investimento é forma de dar condição de trabalho.

Destacou também que o objetivo do governo é chamar policiais da reserva para voltarem à ativa. A eles, será concedido adicional de 30% e a intenção é que eles atuem em Campo Grande, Dourados, Três Lagoas, Ponta Porã e Corumbá. “No primeiro ano, o governo investiu na evolução da categoria e agora estamos investindo na estrutura”, disse. Ainda de acordo com Reinaldo, a maioria dos recursos será aplicado ainda em 2016 e o restante no começo de 2017.

Auxílio federal – O governo estadual ainda busca com a União mais recursos, em virtude da região de fronteira de MS. Segundo o secretário de Segurança Pública, em consequência disto, hoje o Estado tem 6 mil presos por tráfico de drogas e o auxílio federal seria para o custeio deles, já que, se eles fossem mantidos em presídios federais custariam R$ 20 milhões, enquanto no Estado custam R$ 11 milhões.

Motos serão entregues nesta segunda-feira (14). (Foto: Fernando Antunes)Motos serão entregues nesta segunda-feira (14). (Foto: Fernando Antunes)
Governador lança programa de investimento em segurança pública
O governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), o programa MS Mais Seguro, nesta terça-feira (14), no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo, a ...
Governo do Estado investe R$ 9,2 milhões em infraestrutura em Caracol
Caracol vai receber mais de R$ 2,8 milhões em obras a serem executadas pelo Governo do Estado em parceria com a prefeitura e deputados federais e est...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions