A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

10/06/2010 12:17

Jefferson diz que "roupa suja" deve ser lavada em casa

Redação

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, orientou os membros do partido, nesta manhã, a "lavar roupa suja em casa".

Na prática, ele disse aos filiados, a portas fechadas, para não polemizarem, principalmente via imprensa, as desavenças internas resultantes da aliança já firmada com o governador André Puccinelli (PMDB). Isso porque um grupo "rebelde" deseja apoiar a candidatura de Zeca do PT nas eleições deste ano.

"Peço que a gente brigue pra dentro, porque discutir e brigar para fora acaba com o partido. Vamos lavar roupa suja aqui, não dá para boquejar lá fora", orientou.

Partidários de Zeca do PT tentaram se manifestar durante a reunião, citando, inclusive, o nome do presidente da Acrissul, Chico Maia, como exemplo de petebista "histórico" e descontente com a aliança firmada com André.

Roberto Jefferson ironizou, e disse que nunca viu Maia nas reuniões promovidas pelo partido em Mato Grosso do Sul, apesar de se tratar de um filiado desde 1992.

"Prazer em tê-lo aqui, mas confesso que já fiz muitas reuniões aqui e nunca te vi", disse.

Em resposta, Chico Maia também iniciou seu discurso em tom irônico.

"Quero me apresentar, meu nome é Chico Maia, filiado ao PTB desde 1992 e presidente da Acrissul. Sou como um pracinha, que já prestou muitos serviços ao partido, mas que hoje não participa mais das decisões".

Durante cerca de 10 minutos, ele defendeu que o partido reavalie sua posição de se aliar com André, já que, segundo ele, a oferta do PT foi muito mais atrativa para o PTB.

"Temos que saber o que o outro lado tem a oferecer, porque a proposta do André não chegou a nem 30% do que ofereceu Zeca do PT", observou.

Portas escancaradas

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions