A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Abril de 2018

19/09/2012 19:09

Juiz Marcos José de Brito Rodrigues toma posse como desembargador do TJMS

Nicholas Vasconcelos
O desembargador Marcos José de Brito tomou posse nesta quarta-feira no TJ/MS. (Foto: Rodrigo Pazinato)O desembargador Marcos José de Brito tomou posse nesta quarta-feira no TJ/MS. (Foto: Rodrigo Pazinato)

O juiz Marcos José de Brito Rodrigues, 54 anos, tomou posse nesta quarta-feira (19) como desembargador do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul). Ele foi promovido pelo critério do merecimento e assume a vaga deixada pelo desembargador Paulo Alfeu Puccinelli, que se aposentou no mês de agosto.

A cerimônia de posse foi conduzida pelo desembargador Hildebrando Coelho Neto, presidente do TJ, com participação do governador André Puccinelli (PMDB), o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Jerson Domingos (PMDB), prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), o presidente da OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso do Sul), Leonardo Duarte.

O desembargador Hildebrando Coelho Neto presidiu a cerimônia, que teve início com a entrega das vestes para o novo desembargador por meio da esposa, Vera Lúcia. Em seguida, o presidente da OAB, Leonardo Duarte, discursou e lembrou que a posse no Tribunal é um recomeço da magistratura e lembrou a parceria existente entre a Ordem e o TJ.

Relembrando a amizade e o trabalho como assessor de Marcos José de Brito, o procurador de Justiça, Silvio Cesar Maluf, agradeceu ao novo desembargador pelo trabalho e companheirismo do juiz.

“É uma grande emoção, agradeço pela grande colaboração dos amigos e a obrigação do juiz é sempre julgar”, destacou o desembargador Marcos José de Brito. Em seu discurso, ele relembrou todos os amigos que fez durante o exercício da magistratura no interior do Estado.

Nascido em Campo Grande e formado em Direito pela FUCMT, Marcos José de Brito ingressou na magistratura em 1988 e no ano seguinte foi designado para a comarca de Rio Brilhante.

Em agosto de 1991, por merecimento, foi promovido para a 1ª Vara de Ivinhema – comarca onde atuou também na Direção do Foro.

Em 2000, foi removido para a 2ª Vara de Família e Sucessões de Campo Grande. Atuou também como integrante das Turmas Recursais, nos Juizados Especiais e foi diretor do Foro da Capital por duas vezes.

No ano de 2009, passou a titular da Vara de Sucessões de Campo Grande e, em julho de 2010, foi designado para ser juiz auxiliar da Vice-Presidência do TJ. No ano passado, tornou-se juiz auxiliar da Presidência do Tribunal até abril de 2012, quando passou a atuar como desembargador em substituição.



Eu trabalhei com o Des. Marcos José de Brito Rodrigues na Comarca de Ivinhema(MS), e só tenho a agradecer pela excelente pessoa que sempre foi.
 
claudio aparecido souto em 19/09/2012 11:18:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions