A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

09/08/2013 07:45

Marun diz que é hora do PMDB mostrar serviço e evitar conflitos internos

Leonardo Rocha
Marun diz que é hora de trabalhar e que PMDB não tem candidato natural (Foto: Divulgação)Marun diz que é hora de trabalhar e que PMDB não tem candidato natural (Foto: Divulgação)

Carlos Marun, secretário de habitação e um das principais lideranças do PMDB, destacou que neste momento o partido deve mostrar serviço e trabalho e evitar entrar em conflitos internos desnecessários. Marun ressaltou que ainda é cedo para definir candidato, pois o mais importante é promover projetos e programas a população.

“No final as pessoas vão votar em quem mais fez por ela, por sua cidade e não quem saiu primeiro candidato, temos projetos importantes para lançar neste segundo semestre tanto na habitação como em rodovias e obras”, destacou ele. Marun se referiu ao MS Forte II que será anunciado dia 15 de agosto e vai investir R$1,2 bilhões em rodovias, hospitais e uma sede da UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) em Campo Grande.

O peemedebista também ponderou que declarações que gerem conflito ou tragam dúvidas sobre o caminho do partido não são apropriadas no momento. “Não são boas nem para quem defende a candidatura própria, assim como para quem quer formar aliança com o PT”, ressaltou ele, sobre as declarações do deputado estadual Jerson Domingos (PMDB).

Disputa – Marun ponderou que ainda não foi decidido o candidato ao governo e senado federal porque não há candidato “natural” nesta eleição e por isso precisa-se discutir a melhor opção. “Antes tínhamos o André (Puccinelli) que era indiscutível, agora é diferente, eu sempre digo que o candidato que mobilizar mais o partido será o escolhido”.

Em relação à disputa entre o ex-prefeito e secretário estadual Nelsinho Trad e a vice-governadora Simone Tebet, Marun destacou que ambos possuem apoio em regiões diferentes. “Na Capital o Nelsinho tem vantagem, enquanto que na região Sul e Norte a Simone tem a preferência, os dois saíram com excelentes índices de aprovação em suas administrações municipais”.



Realmente as declarações do Deputado Gerson, criticando Nelsinho e dizendo ser eleitor de
Delcidio, são próprias de um político que já deve se aposentar e pegar um empreguinho no TC. Ao chamar Nelsinho de garoto mimado, lhe dá o direito de uma réplica para chamá-lo de velho alguma coisa. Afinal de contas Nelsinho tem um passado de política com muito trabalho e Gerson só fez política.
 
Alicio Mendes em 09/08/2013 08:12:14
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions