A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

17/09/2016 18:31

Na maior eleição da cidade, só a lista de candidatos tem quatro metros

Aline dos Santos
Kátia mostra extrato com quatro metros. Lista é emitida pela urna eletrônica. (Foto: Marcos Ermínio)Kátia mostra extrato com quatro metros. Lista é emitida pela urna eletrônica. (Foto: Marcos Ermínio)

Dizer que Campo Grande tem candidato “pra mais de metro” não é apenas força de expressão nestas Eleições 2016. Somente a zerésima, lista emitida pela urna com nome de todos os candidatos, tem quatro metros. Maior colégio eleitoral do Estado, a Capital tem 15 concorrentes a prefeito e 673 na disputa para vereador.

Neste sábado (dia 19), os dados de todos os candidatos começaram a ser inseridos nas urnas eletrônicas. Segundo a chefe de cartório da 36ª Zona Eleitoral, Kátia Souza, são preparadas 1.800 urnas, incluindo as reservas. O trabalho será realizado hoje e amanhã no Fórum Eleitoral, no Parque dos Poderes.

Nesta corrida eleitoral, Campo Grande desbanca São Paulo e Rio de Janeiro no quesito capital mais disputada do Brasil. Com 863.982 moradores, a Capital de Mato Grosso do Sul tem 15 candidatos, o que dá média de um “prefeitável” a cada 57 mil habitantes. A título de exemplo, São Paulo, a capital mais populosa do País, precisaria de 209 registrados na disputa a prefeito para atingir esta marca.

Comparado há 20 anos, o total triplicou. Conforme os dados disponíveis no site da Justiça Eleitoral, foram cinco candidatos a prefeito de Campo Grande em 1996. O mesmo número se manteve nas disputas de 2000, 2004 e 2008.

A disputa pelas 29 cadeiras da Câmara Municipal também se acirrou. Na última eleição, realizada em 2012, foram 526 candidatos. Agora, são 673, portanto, crescimento de 27%. Campo Grande tem 595.174 eleitores e orçamento previsto para 2017 de R$ 3,5 bilhões.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions