A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

13/03/2014 16:14

Novo prefeito deve contar com o apoio de 23 vereadores e ter base ampla

Josemil Arruda e Leonardo Rocha
Olarte dando entrevista ao lado de Edil, à erquerda, e Saraiva, à esquerda (Foto: Cleber Gellio)Olarte dando entrevista ao lado de Edil, à erquerda, e Saraiva, à esquerda (Foto: Cleber Gellio)

Os 23 vereadores que votaram a favor da cassação do prefeito Alcides Bernal (PP) têm agora compromisso de apoiar o sucessor Gilmar Olarte (PP). Pelo menos foi o que garantiram três deles, que estiveram á frente do processo de cassação, Paulo Siufi (PMDB), ex-presidente da CPI do Calote, Edil Albuquerque (PMDB), ex-presidente da Comissão Processante, e Airton Saraiva (DEM), líder da bancada que até ontem era de oposição ao chefe do Executivo municipal.

Todos os três falaram isso esta tarde, no gabinete do prefeito. Um deles, Airton Saraiva, foi ainda mais longe, ao informar que vai conversar com os outros seis dos 29, que votaram contra a cassação de Bernal, para que também apoiem o novo prefeito. “A intenção é começar o novo governo com todo mundo apoiando”, afirmou Saraiva.

Já Paulo Siufi (PMDB) disse que neste momento vereadores precisam contribuir com novo prefeito numa “relação harmônica, porém não vai deixar de fiscalizar e fazer as críticas que devem ser feitas”.

Além de confirmar que Olarte terá amplo apoio dos vereadores, neste começo de mandato, Edil Albuquerque enalteceu o fato de Olarte ter começado a gestão afirmando que precisa da Câmara para governar. “O novo prefeito começou muito bem ao dizer que prefeito precisa da Câmara para governar. Isso nunca existiu com Bernal, nem no inicio do governo”, apontou.

 

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions