A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 24 de Setembro de 2018

06/05/2017 16:20

Pensando em reerguer partido para 2018, PT elege hoje presidente estadual

Zeca do PT, deputado federal e ex-governador de MS, é um dos candidatos na eleição

Mayara Bueno
Zeca do PT, deputado federal. (Foto: André Bittar).Zeca do PT, deputado federal. (Foto: André Bittar).

De olho em 2018, o PT de Mato Grosso do Sul escolhe neste sábado (6) quem comandará o partido pelos próximos dois anos. De seis, as chapas foram reduzidas em duas, sendo uma delas lideradas pelo deputado federal e ex-governador do Estado, Zeca do PT.

“Depois de um vendaval, onde tentaram varrer o PT da face da terra, a gente começa uma retomada de nossa motivação e da nossa militância”, ressaltou. Desde ontem, acontece o sexto encontro regional do partido, que tem, entre os objetivos, eleger a nova presidência. Além de Zeca, a disputa tem o ex-prefeito de Mundo Novo, Humberto Amaducci, como candidato.

Reconstruir a legenda no Estado, que enfrentou uma das maiores crises de sua história, quando, em 2016, elegeu poucos políticos, é o primeiro passo, que começa com as discussões internas, pontua Zeca.

Em seguida, é “pensar no futuro”, juntando forças e lideranças para preparar um projeto para 2018. “A gente quer preparar uma proposta que articule os partidos do campo de esquerda, como PT, PDT, PC do B, para 2018 disputar o governo do Estado”.

Ainda sem eventual nome para o próximo ano, o objetivo é acompanhar as discussões sobre as reformas em andamento (trabalhista e da Previdência) e outras que surgirão na Câmara Federal. “Todo este momento temos de analisar”.

Hoje, o Partido dos Trabalhadores contam com quatro deputados estaduais, dois federais e apenas um vereador em Campo Grande.

Votação – A eleição para definir o presidente acontece hoje na Fetems (Federação dos Trabalhadores da Educação de MS). Duas chapas concorrem, a Esperança Vermelha e Unidade Para Vencer. Ao todo, 250 delegados regionais escolhidos em encontros anteriores votam para definir o nove presidente, que ficará até 2019. Até então, o dirigente é o ex-deputado federal Antônio Carlos Biffi.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions