ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEGUNDA  23    CAMPO GRANDE 32º

Política

Pesquisa indica que uma em cada 4 pessoas não votaria por causa da covid-19

Dados mostram ainda que 23% das pessoas frisam que pretendem faltar à votação e justificar posteriormente

Por Nyelder Rodrigues | 23/10/2020 19:55
Máscara de proteção se tornou utensílio obrigatório para a população (Foto: Kisie Ainoã/Arquivo)
Máscara de proteção se tornou utensílio obrigatório para a população (Foto: Kisie Ainoã/Arquivo)

Abstenção eleitoral. O temor de que a população opte ficar em casa por causa da pandemia de covid-19 e não vá votar no dia 15 de novembro pode se tornar realidade para muitos candidatos nessas eleições municipais em 2020. É o que aponta pesquisa feita pelo Ibrape (Instituto Brasileiro de Pesquisas de Opinião Pública).

O estudo tem abrangência de 584 pessoas em Campo Grande, sendo feito entre os dias 19 e 22 de outubro. A margem de erro é de quatro pontos percentuais e o índice de confiança é de 95%. Por não se tratar de pesquisa de intenção de votos, ela não precisa de registro no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul).

Conforme os dados ali fornecidos, ao serem questionados se deixariam de votar por medo de serem contaminados pelo coronavírus, 25% dos entrevistados responderam que sim, deixariam de votar, enquanto 68% afirmaram que não e 7% não souberam responder.

Além disso, os entrevistados foram perguntados em qual o grau de segurança estavam quanto a irem votar no dia 15 de novembro e se infectarem. A resposta nada seguro foi dada por 30% dos questionados, enquanto 41% se colocaram como pouco seguro e 26% afirmaram estar muito seguros - outros 3% disseram não saber responder.

Já a pergunta "de maneira geral, como o(a) sr(a) se sente a respeito de ir pessoalmente votar?" foi respondida por 61% como "não acho arriscado ir votar devido ao coronavírus", e 34% como "acha arriscado ir votar por causa do coronavírus". Outros 5% não sabem.

Por fim, os 584 eleitores entrevistados foram indagados se iriam comparecer à votação para prefeito e vereador. Do total de participantes do estudo, apenas 2% não souberam responder, enquanto 66% confirmaram que vão escolher um representante nas urnas, contra 11% que ainda estão em dúvida e 23% que confirmam que não pretendem ir.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário