A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

13/06/2009 17:10

PMA autua pecuarista por pesca predatória e porte ilegal

Redação

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Cassilândia apreendeu com um pecuarista, na última sexta-feira, às 10h30, 45 metros de rede de pesca, 36 kg de peixes de diversas espécies e uma espingarda calibre .22, com sete cartuchos. O pecuarista estava no Rio Sucuriú, alguns quilômetros acima da ponte sobre a BR-060, no Distrito de Paraíso das Águas.

Foram apreendidos ainda um motor de popa e um tanque de combustível. O pescado foi doado ao Lar Recanto dos Idosos, em Costa Rica (332 km de Campo Grande).

O pecuarista não apresentou licença de pesca ou qualquer outro documento dos órgãos ambientais. Ele também não tinha registro ou porte de arma de fogo. O pecuarista recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil em Costa Rica, onde foi autuado em flagrante. A pena pelo porte de arma é de 2 a 4 anos de reclusão..

Pelo crime ambiental de praticar pesca com material proibido, ele foi multado em R$ 2.740,00, além de ter que responder a processo judicial. A pena prevista é de 1 a 3 anos de detenção e multa. A legislação em vigor proíbe a pesca com rede nos rios de Mato Grosso do Sul.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions