A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

13/09/2008 09:48

Presidente e oposicionistas abrem negociações na Bolívia

Redação

Pode estar em curso um processo de conciliação entre opositores e o governo de Evo Morales, na Bolívia. Após 15 mortes, registradas em apenas dois dias de conflitos, o governador da província de Tarija, Mario Cossio, teve um encontro na noite de ontem com o presidente, em La Paz.

Para garantir a discussão, 200 homens da polícia boliviana foram colocados nos arredores do palácio do governo. Algumas tentativas de impedir a conversa foram flagradas pelos policiais. Em um dos casos, um homem com dinamites foi preso quando tentava furar o cerco ao palácio.

Tarija integra a região onde os conflitos se concentram. Por ser rico em reservas de gás, o departamento é um dos insurgentes contra reforças propostas por Evo Morales, que diminuiriam a receita das regiões com imposto do gás e também defende a autonomia administrativa de quatro departamentos.

Cossio foi ao encontro, como representante dos outros governadores que fazem oposição ao governo.

Ao sair da reunião, que durou 6 horas, tanto ele, quanto os representantes da presidência fizeram uma avaliação positiva da conversa, por terem aberto as negociações.

Na pauta do encontro, foram tratados assuntos, como distribuição de royalties dos recursos naturais. Mas o principal ponto foi estabelecer as bases para começar o diálogo

Em Pando, na fronteira com o Acre, ontem foi decretado estado de sítio, região onde aconteceram as mortes e são registrados os conflitos mais violentos. No local estão proibidas reuniões com mais de três pessoas, entre a meia-noite e às 6h da manhã. Discotecas e restaurantes também não poderão funcionar nesse horário.

Também estão proibidas armas de fogo, branca ou qualquer explosivo. As Forças Armadas têm ordem de deter quem quer que desrespeite as restrições. (Com informações do jornal El Deber)

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions