A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Agosto de 2017

16/02/2017 11:50

Primeira sessão na Câmara tem discussão sobre Lula e eleições 2018

Bate boca foi entre os vereadores Ayrton Araújo (PT) e Vinícius de Siqueira (DEM); Presidente da casa precisou intervir

Yarima Meccchi e Richelieu de Carlo

A primeira sessão ordinária da Câmara Municipal de Campo Grande, realizada na manhã desta quinta-feira (16), teve discussão entre os vereadores Ayrton Araújo (PT) e Vinícius de Siqueira (DEM). O mal estar entre veterano petista e o recém chegado democrata aconteceu durante a reunião de lideres no plenário.

Com a formação para a apresentação dos lideres partidários, Ayrton começou a discursar sobre o seu partido e notícias nacionais que apontam o ex-presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, a frente nas eleições de 2018.

"O Lula vai voltar (a ser presidente) e o partido foi muito importante para questões sociais. Durante o mandato do governo petista houve várias melhorias com projetos sociais para a população. As pesquisas apontam que a população quer o Lula de volta", disse.

Contrário o discurso de Ayrton, Vinícius, que participou de manifestações contra o governo da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), criticou o governo petista e disse que o colega estava sonhando.


"Espero que o Lula não volte, mas sonhar não custa nada. Ele arrebentou com a lei de responsabilidade fiscal e levou a política para as páginas policiais", declarou Vinícius.


Em uma tentativa de defender seu ponto de vista, Araújo se exaltou e afirmou que não havia motivos para ataque do democrata. O presidente da casa de leis, João Rocha (PSDB), precisou intervir e disse que iria relevar as declarações por se tratar do início da legislatura.

"A partir de agora esses momentos têm que ser usados durante a palavra livre. Que é quando os vereadores se inscrevem e tem 7 minutos para usar a tribuna", e finalizou a discussão.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions