A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

09/10/2016 17:39

Programa eleitoral recomeça com agradecimento e focado em propostas

Candidatos passaram o dia em reuniões com moradores

Mayara Bueno
Candidata a prefeita pelo PSDB, Rose Modesto. (Foto: Fernando Antunes)Candidata a prefeita pelo PSDB, Rose Modesto. (Foto: Fernando Antunes)

De volta à televisão e ao rádio, o programa eleitoral dos candidatos que disputam a Prefeitura de Campo Grande será focado em agradecimentos e propostas. É o que afirmam que vão mostrar Rose Modesto (PSDB) e Marquinhos Trad (PSD), a partir de segunda-feira (10), quando a propaganda recomeça, agora no segundo turno.

“O sentimento é de gratidão. O programa de amanhã será de agradecimento”, afirmou a candidata tucana. Ela comentou que começou a campanha com 7% das intenções de voto e passou para o segundo turno com 26.62% dos votos. "Graças ao eleitor que quis que a gente chegasse lá".

Agora, ela diz que explicará, por meio de seu programa, como será seu plano de governo, caso seja eleita prefeita de Campo Grande. Buscar os indecisos, os que votaram em nulo ou branco além dos eleitores dos candidatos derrotados também são algumas das metas.

Rose não conseguiu o apoio do prefeito Alcides Bernal (PP), dono de 111.128 votos no primeiro turno, mas conta com Carlos Alberto David dos Santos, Coronel Davi (PSC 4º lugar) e Athayde Nery (PPS 7º lugar), ambos derrotados nas urnas. Do candidato do PSC, Rose se comprometeu a instalar a controladoria-geral no Município.

(Foto: Divulgação Campanha)(Foto: Divulgação Campanha)

No programa eleitoral de Marquinhos Trad, os focos serão, assim como no primeiro turno, as propostas de campanha, afirmou. “Não obtive nenhum direito de resposta por ofensa. Ao contrário, recebi mais de 100 inserções por ataques a mim e minha família”.

A ideia é "continuar a apresentar propostas" e dar soluções aos problemas que “afligem a cidade”. Trad conseguiu apoio de Bernal, mas garantiu que não foi aliança do “toma lá da cá”, e, sim, por um programa de conteúdo. A consolidação do apoio, afirma, não será refletido em suas propagandas televisivas. “É uma construção. A cidade não quer mais briga, quer paz. Ele (prefeito) não pediu nada em troca. Até porque, se pedisse, não iria aceitar”, afirmou.

Cada candidato terá dez minutos de programa eleitoral. Marquinhos será o primeiro a apresentar as propostas na TV e no rádio. Neste domingo (9), ambos candidatos se reuniram com moradores de três regiões da cidade.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions