A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Agosto de 2017

16/03/2016 19:15

Reações à nomeação de Lula na Casa Civil chegam a Campo Grande

Nyelder Rodrigues e Fernanda Yafusso
Manifestação solitária pouco depois das 19h na frente do MPF, em Campo Grande, em reação à  nomeação de Lula para ministério de Dilma (Foto: Alan Nantes)Manifestação solitária pouco depois das 19h na frente do MPF, em Campo Grande, em reação à nomeação de Lula para ministério de Dilma (Foto: Alan Nantes)

Com o anúncio da nomeação de Lula como ministro-chefe da Casa Civil, na tarde desta terça-feira (16), manifestações foram desencadeadas em São Paulo (SP), Brasília (DF), Curitiba (PR) e Belo Horizonte (PR). Em Campo Grande, algumas pessoas já começam a se concentrar em frente à sede do MPF (Ministério Público Federal).

Tão logo os protestos começaram em outras regiões do Brasil, representantes do Movimento Reaja Brasil começou a convocar a manifestação na frente do MPF. 

A sede do MPF em Campo Grande fica na avenida Afonso Pena, esquina com a rua Alagoas, local de grande fluxo de veículos. Muitos dos que passam ali buzinam e manifestam apoio à causa, mas até o fechamento deste texto, havia pouca gente no local.

Populares também estão na avenida Paulista, em São Paulo (SP), e em frente ao Palácio do Planalto, em Brasília (DF), manifestando repúdio contra a nomeação do ex-presidente.

Pelo menos já 80 parlamentares se manifestaram contra as gravações. Mais cedo, no plenário da Câmara dos Deputados, pediram a renúncia de Dilma após ser divulgada gravação telefônica, grampeada pela PF (Polícia Federal), em que os dois conversavam sobre a posse de Lula para evitar a prisão dele - como ministro, ele tem foro privilegiado.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions