A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

12/06/2009 20:18

Ribeiro diz que aguardará julgamento "confiando em Deus"

Redação

O vereador campo-grandense Clemêncio Ribeiro, do PMDB, disse ao Campo Grande News que continua seus trabalhos aguardando o julgamento que o acusa de utilizar em benefício próprio a estrutura da Associação dos Ciclistas Amadores de Mato Grosso do Sul para fins eleitorais. Ele falou que confia em Deus, "meu mandato está nas mãos Dele, que seja feita a sua vontade".

Hoje a PRE (Procuradoria Regional Eleitoral) emitiu parecer favorável à cassação do mandato e inelegibilidade do parlamentar. De acordo com a PRE, que é ligada ao MPF (Ministério Público Federal), há provas suficientes de abuso de poder econômico, ou seja, de fornecimento de serviços médico-odontológicos em troca de voto.

Perícia realizada em computador apreendido na entidade, verificou a existência de vários arquivos relacionados a campanha e cadastro de eleitores, com informações relacionadas até mesmo a números de títulos eleitorais, zonas e seções de votação dos "pacientes". Na denúncia, oferecida pela PRE, também foi citada a existência de servidores públicos, do gabinete do vereador, trabalhando na associação.

Ribeiro explica que a associação existe desde 1996 e questionado pela reportagem sobre a veracidade das informações quanto ao cadastro de números de títulos eleitorais e zonas, não soube informar com precisão. "A associação funciona como um comércio e todo o comércio tem um cadastro de pessoas. Na associação não é diferente, existe um cadastro com dados como nomes e endereços".

Depoimento - Em seu depoimento, Ribeiro disse que não sabia de nada acerca da exigência do título eleitoral para utilização dos serviços na associação.

Os peritos constataram a presença de três programas que manipulam dados eleitorais. O banco de dados dos associados, denominado "cadastro de amigos", contava com 14.037 registros, com informações de dados pessoais

O parecer favorável da PRE será submetido à apreciação do TRE (Tribunal Regional Eleitoral).

Presidente Michel Temer deve ter alta na manhã desta sexta-feira
O presidente Michel Temer deverá ter alta hospitalar na manhã desta sexta-feira (15), informou o médico Roberto Kalil Filho, que coordena os cuidados...
Interrogatório de Lula na Operação Zelotes é marcado para fevereiro de 2018
A Justiça Federal em Brasília marcou para o dia 20 de fevereiro de 2018 os interrogatórios do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e de seu filho ...
Senado aprova desconto de dívidas de produtores rurais e texto segue para sanção
O Senado concluiu a votação, nesta quinta-feira (14), do projeto que permite a renegociação das dívidas de produtores rurais, estabelecendo descontos...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions