A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

13/10/2012 11:51

Uma semana após primeiro turno, só PT e PPS definiram apoio

Fabiano Arruda
Vereador Athayde Nery afirma que PPS vai sacramentar apoio a Alcides Bernal na segunda. (Foto: Divulgação)Vereador Athayde Nery afirma que PPS vai sacramentar apoio a Alcides Bernal na segunda. (Foto: Divulgação)

O PPS mostra ser o único partido, fora da disputa do segundo turno na eleição para prefeito de Campo Grande, além do PT, a declarar apoio, uma semana após a votação que colocou Edson Giroto (PMDB) e Alcides Bernal (PP) na fase decisiva da disputa.

O vereador Athayde Nery (PPS), vice na chapa de Reinaldo Azambuja (PSDB), que terminou o pleito em terceiro lugar com 25,4%, afirmou neste sábado que, na segunda-feira, seu partido sacramenta aliança com Bernal.

Segundo ele, o acordo está condicionado a uma carta que terá de ser assinada pelo progressista, que deverá estar no encontro. O documento prega temas como transparência, participação e planejamento, bem como sugere pontos como eleições diretas para diretores nas escolas municipais, congelamento do IPTU, aumento do número de Ceinfs, destinação de 1% do orçamento para a cultura e descentralização do poder.

“Esta carta de princípios nos dá o direito de romper, depois, caso não concordemos com algo”, destacou.

Perguntado se o PSDB seguirá a mesma linha no segundo turno, Nery disse que “só sabe de seu partido”, mas disse acreditar que esta também será a postura adotada pelos tucanos.

O presidente estadual do PPS ainda opinou que é pouco provável o grupo político se uma a Giroto.

Do lado do PSDB, a direção da legenda vai se manifestar na segunda-feira sobre o processo, mas ainda sem local e horário definidos. O Campo Grande News apurou que os tucanos devem se declarar neutros na disputa. Reinaldo Azambuja (PSDB) foi a grande surpresa da eleição, deixou o processo em alta e não teria motivos para se desgastar com seus eleitores.

Do lado dos nanicos, a tendência é ficar “em cima do muro”. Sidney Melo (PSOL) e Suél Ferranti (PSTU), que disputaram a Prefeitura, disseram neste sábado que vão defender, diante dos diretórios municipais, a neutralidade.

O PV, do vereador Marcelo Bluma, pode confirmar apoio a Bernal em reunião na segunda-feira pela manhã, segundo informou o candidato do PP.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions