A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 21 de Setembro de 2018

24/07/2010 09:17

Vereadores aumentam duodécimo da LDO e Ruiter veta

Redação

Os vereadores de Corumbá tentaram reajustar o duodécimo do Legislativo na LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias), mas o prefeito Ruiter Cunha de Oliveira (PT) vetou o artigo.

Ele fixava o duodécimo do Poder Legislativo Municipal em 7% sobre as receitas arrecadadas pelo município no exercício 2010. Esse dispositivo implicaria o aumento do repasse à Câmara de Vereadores, que hoje já é superior a R$ 700 mil mensais, para algo em torno de R$ 10 milhões anuais.

Segundo o prefeito, isso impactaria fortemente os cofres públicos. "O aumento de recursos para o Legislativo é totalmente incompatível com a atual realidade do município, que sofreu considerável perda de receita no último ano", observou.

Ruiter disse não entender qual a intenção da Câmara em solicitar o aumento, já que não faz investimentos na cidade e só utiliza o repasse para custeio.

"A intenção da Câmara é contrária ao interesse público, no momento em que fazemos esforços pesados para cumprir os compromissos da gestão", acrescentou.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions