ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MARÇO, SEGUNDA  04    CAMPO GRANDE 23º

Política

Vereadores fazem coro por arena para shows em Campo Grande

Fabiano Arruda | 23/02/2012 13:20
Parlamentares defendem construção de local para sediar grandes eventos na Capital. (Foto: Divulgação)
Parlamentares defendem construção de local para sediar grandes eventos na Capital. (Foto: Divulgação)

Com a Expogrande ameaçada por mais um ano e o registro de violência no Carnaval da Fernando Corrêa da Costa, vereadores voltaram a pregar, a exemplo do ano passado, a necessidade de uma arena multiuso para realização de grandes eventos em Campo Grande.

“Tem que arrumar um lugar adequado. A arena poderia ser este lugar porque Campo Grande precisa disto”, disse o vereador Vanderlei Cabeludo (PMDB). “Daqui a pouco os moradores da região da Praça do Papa também não vão aguentar”, comentou, mencionando sobre o desfile das escolas de samba.

Líder do prefeito na Câmara, o vereador Flávio Cesár (PMDB) seguiu a mesma linha defendendo um “lugar seguro e adequado”. Segundo ele, a arena poderia sediar, não só o Carnaval popular, mas a Expogrande. No entanto, ele admitiu que o novo local para shows da Capital ainda está na fase de estudos e que nem a região da cidade foi escolhida.

Questionado se os registros de violência no Carnaval da Fernando Corrêa obrigariam mudar o evento de local, o petista Marcos Alex brincou. “Vamos fazer de Campo Grande um grande mosteiro tibetano então, pois no Laucídio Coelho não pode, no Parque das Nações Indígenas também”, disparou.

Alex ainda minimizou o tiroteio ocorrido na Fernando Corrêa da Costa. “Em boate acontece isto. E se não for a Fernando Corrêa vai ser aonde? Creio ter que deva haver mais investimento em Segurança Pública, mas o povo não pode ficar sem opção”, discursou.

Carnaval na Fernando Corrêa levou grande público, mas registrou tiroteio neste ano. (Foto: Fernando da Mata)
Carnaval na Fernando Corrêa levou grande público, mas registrou tiroteio neste ano. (Foto: Fernando da Mata)

Presidente da Comissão de Cultura da Casa de Leis, o vereador Athayde Nery (PPS) enalteceu a primeira noite do Carnaval na avenida, que atraiu 70 mil pessoas. “Defendo discutir esta questão na Casa. Mas creio também que o Carnaval popular poderia ser feito nos bairros”, sugeriu.

Já o presidente da Câmara, vereador Paulo Siufi (PMDB), pregou que o evento seja mantido. Ele revelou que, em conversa com o prefeito Nelsinho Trad (PMDB), as negociações para a instalação da arena multiuso estão avançadas.

“Tem que investir mais em segurança, com fiscalização e esquemas rigorosos, e em orientação para acabar com as algazarras, que são motivadas por bebidas alcoólicas ou drogas. E outra: no Rio de Janeiro tem casos de violência na Bahia também”, complementou.

Nos siga no Google Notícias