A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018

10/09/2018 19:58

Vice de Alckmin reforça compromisso com segurança e setor produtivo

Adriano Fernandes e Humberto Marques
Ana Amélia cumpre agendas, esta noite, ao lado de Reinaldo Azambuja. (Foto: Paulo Francis) Ana Amélia cumpre agendas, esta noite, ao lado de Reinaldo Azambuja. (Foto: Paulo Francis)

Em Campo Grande para agendas políticas com a militância tucana nesta segunda-feira, a senadora Ana Amélia (PP-RS), candidata a vice na chapa com Geraldo Alckmin (PSDB-SP) para a Presidência, reforçou os compromissos quanto ao setor produtivo do Estado, assim como em relação à segurança na fronteira.

Citando a adoção de uma guarda nacional permanente, a senadora comentou que a medida exige reforço integrado entre todas as forças de segurança no combate ao tráfico de drogas e o crime organizado. O assunto também foi pauta de Alckmin em visita à Capital, na última semana.

“Não há outra caminho para resolver esse grave problema se não haver essas parcerias entre as Forças Armadas, Sisfron, Ministérios de Segurança Publica e Justiça, além dos ministérios de relações exteriores porque tem que ser mantido o diálogo entre estes países para um controle geral do problema”, defendeu.

Ao ressaltar sobre o potencial produtivo sul-mato-grossense, Ana Amélia (PP-RS) defendeu a adoção de medidas para fomentar a produção rural. “Sou contra medidas que venham a onerar o setor produtivo, tanto na exportação de soja ou carnes, por exemplo, e que são setores riquíssimos em Mato Grosso do Sul. Atualmente, o produtor tem um custo elevadíssimo de produção, não tem uma logística eficiente, nos portos, nas estradas. Então temos que proteger os nossos produtores que cumprem o seu dever de casa”, conta.

A senadora ainda acrescentou. “O nossos custos fiscais são sempre mais caros que o mercado Argentino ou Uruguaio, por exemplo, onde o financiamento é mais barato, o maquinário, então são fatores desfavoráveis aos produtores que fazem tudo o que podem para aumentar a produtividade, mesmo nessas condições, sem nenhuma assimetria econômica”, pontua.

Outro ponto citado quanto ao setor produtivo e que deve ser reforçado no Estado, caso Alckmin seja eleito, é "Renova Bio" projeto que em vias gerais,  se utiliza do refugo da produção de cana de açúcar, por exemplo, para a produção de energia.

No compromisso desta noite (10), ao lado do candidato à reeleição no Governo, Reinaldo Azambuja (PSDB), a senadora o elogiou e quem também ressaltou ser um grande gestor. E também pediu aos presentes que eram em maioria servidores da educação, que o déssem “mais quatro anos” no cargo.

Ainda esta noite a senadora acompanha Reinaldo em reunião com empresários do Setor produtivo, no Bairro Amambaí.

Governador (de camiseta) ao lado da senador a direita. (Foto: Paulo Francis) Governador (de camiseta) ao lado da senador a direita. (Foto: Paulo Francis)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions