A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 22 de Setembro de 2017

18/08/2017 20:25

Vistorias de CPI em unidades da JBS em MS começam na próxima quarta

Anahi Gurgel e Leonardo Rocha
Fachada da JBS na unidade da Duque de Caxias, em Campo Grande (Foto: Marcos Ermínio)Fachada da JBS na unidade da Duque de Caxias, em Campo Grande (Foto: Marcos Ermínio)

Os deputados estaduais que compõem a CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que investiga denúncias envolvendo a JBS irão iniciar, na próxima semana, as vistorias em duas unidades da empresa localizadas em Campo Grande.

A inspeção está agendada para quarta-feira (23), às 9h, na planta I, localizada na avenida Duque de Caxias, e às 15h, na unidade II, na BR-060, saída para Sidrolândia.

A CPI da JBS apura se 93% dos investimentos que a empresa deveria ter feito em 8 unidades de Mato Grosso do Sul, que chegam a R$ 265 milhões, foram comprovados por meio de notas fiscais frias e fictícias. A suspeita é porque se tratam de transferência de ativos, que não têm carimbos de postos fiscais.

Estes investimentos estavam previstos no termo de acordo firmado com o governo estadual, no ano de 2016, que foi concedido o crédito (incentivo fiscal) de R$ 99 milhões a empresa.

O presidente da CPI, o deputado Paulo Corrêa (PR), relatou que os investimentos serão comprovados por meio das inspeção nas oito unidades. Serão feitas vistorias também em Naviraí, Coxim, Nova Andradina, Anastácio e Cassilândia.

A comissão investiga a denúncia realizada do pagamento de diversas notas fiscais ‘frias’ emitidas por pessoas físicas ou jurídicas entre os anos de 2010 a 2017, sem o devido fornecimento de bens ou serviços, em contraprestação à suposta concessão indevida de benefícios fiscais.

Fachin libera denúncia sobre Temer para envio à Câmara dos Deputado
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin liberou hoje (21) o envio à Câmara dos Deputados da segunda denúncia apresentada pelo então...
STF decide enviar denúncia sobre Temer à Câmara Federal
Após dois dias de julgamento, por 10 votos a 1, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu hoje (21) pelo envio imediato à Câmara dos Deputados da segu...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions