A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

19/01/2014 14:05

Estradas que dão acesso ao IFMS ficam intransitáveis no período de chuva

Viviane Oliveira

A leitora  do Campo Grande News, Cibele Pereira de Melo, reclama que quando chove fica intransitável o acesso ao IFMS (Instituto Federal de Mato Grosso do Sul), em Aquidauana, distante 135 quilômetros de Campo Grande.

“Em dias de chuva fica quase impossível chegar ao Campus, pois na estrada tem muito barro e buracos. Em um dos trechos quando chove forma uma lagoa, que toma conta da via”, reclama Cibele, estudante no Campus.

Conforme a leitora, existe duas ruas de acesso que estão na mesma situação. As vias tem asfalto até as pontes, no entanto, depois ela é de terra e cheia de buracos. “Nós estamos pedindo asfalto há 3 anos e até agora o poder público não providenciou”, reclama.

O ônibus de Miranda que leva os alunos ao Campus não tem como chegar ao instituto em dias de chuva, pois pode atolar. Além disso, não tem iluminação pública e a escuridão toma conta do lugar. 

Outra coisa que a acadêmica reclama é da situação das salas de aula no IFMS. “Não temos cantina, não temos ar condicionado, professores e alunos chegam a passal mal nas salas de aula de tanto calor”, diz. 

Os acadêmicos saíram de um Campus improvisado e foram para o novo prédio em setembro do ano passado. “Prefeitura queremos 1 quilômetro de asfalto, Governo Federal os alunos ficam 6 tempos de aula com 40 pessoas dentro de uma sala sem ar condicionado”, finaliza a jovem. 

Assista ao vídeo feito por Luiz Fernando Borges; 



Muito Obrigada pela correção, fico muito grata mesmo!!! *-*
 
Cibele Pereira de Melo em 19/01/2014 23:05:19
O corpo da mensagem foi entendido um pouco errado, a pontes, mas o asfalto é só até chegar a ponte, da ponte para a frente não há mais asfalto, mas apenas ruas de chão.
 
Cibele Pereira de Melo em 19/01/2014 18:24:48
Errata: as duas vias não possuem asfalto.
 
Sidney Roberto em 19/01/2014 17:57:10
A situação está lastimável e beirando o insustentável quanto ao acesso ao prédio.
Em tempo, uma correção/observação na matéria: NÃO existe via asfaltada até o Campus. Ambas as vias de acesso são por estradas de terra, por um trecho de aproximadamente 1 quilômetro, inclusive sem iluminação nenhuma, expondo centenas de estudantes do período noturno a diversos perigos.
 
Rodrigo Chamorro em 19/01/2014 17:38:17
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions