A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 17 de Outubro de 2017

24/02/2017 07:42

Iagro estabelece regras para o controle emergencial de lagartas em lavouras

Priscilla Peres

A Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) estabeleceu normas para produtores rurais que precisem utilizar produtos não autorizados, para controlar a Helicoverpa armigera, nas lavouras. MS está em estado de emergência fitossanitária relativo ao risco de surto da lagarta.

Com o decreto feito pelo Mapa (Ministério da Agricultura e Abastecimento) no dia 2 de fevereiro, Mato Grosso do Sul pode adotar medidas para necessárias para o controle e prevenção de um possível surto, o que inclui o uso de produtos até então proibidos.

As normas da Iagro incluem a aquisição, transporte, armazenamento, controle de estoques e devolução das embalagens vazias e resíduos de produtos de uso emergencial. Os formulários e legislações da resolução Sepaf n° 638, podem ser conferidos aqui.

Durante quase três meses (dezembro, janeiro e fevereiro), técnicos da Divisão de Defesa Sanitária Vegetal da Iagro visitaram propriedades rurais de diversos municípios realizando um levantamento sobre a incidência da Helicoverpa armigera no Estado.

A Helicoverpa armigera ataca mais de cem espécies cultivadas ou não, como soja, milho, café e sorgo. “O primeiro registro da doença no Brasil ocorreu no oeste da Bahia em fevereiro de 2013, contudo até o momento não foi constatada em nível de dano econômico ao produtor do Mato Grosso do Sul” Comentou Filipe Petelinkar, chefe da divisão.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions