A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

20/11/2012 19:20

Moka critica demora na criação de fundo de R$ 200 mi para combater aftosa

Nícholas Vasconcelos

O senador Waldemir Moka (PMDB) criticou a demora na criação de um fundo de combater a febre aftosa na faixa de fronteira do país. “Nós precisamos articular a criação do fundo de R$ 200 milhões para combater a aftosa, de um setor que superávit ao país”, declarou o senador durante o seminário MS Agro nesta terça-feira (20), na sede da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), na Capital.

Moka também comentou durante o evento a diminuição do valor pago aos pecuaristas, que tem tido pouco avanço nos últimos anos.

Ferrovia – A secretária de Produção e Turismo, Tereza Cristina Corrêa da Costa, disse que participou de uma reunião no dia 29 de outubro em Curitiba (PR) sobre a viabilidade da ferrovia entre Maracaju e o Paraná, e que foi apresentado um estudo que comprova que a rota compensa economicamente.

“Nos diziam que o trem precisa de ocupação no transporte, mas se lembrarmos que a soja do Paraguai necessita ser deslocada”, afirmou. De acordo com a secretária, há um trecho de 200 km para ligar o trecho entre o rio Paraguai e o porto de Paranaguá, no Paraná.

“Hoje o Paraguai já produz mais soja que Mato Grosso do Sul e que precisa ser levado até o Atlântico”, comentou.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions