A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

14/05/2018 22:19

Samsung e Apple estariam trabalhando em leitor ultrassônico de celulares

Adriano Fernandes
O método ultrassônico promete identificar automaticamente e mais rápido, alguns detalhes da pele. (Foto: WindowsTeam)O método ultrassônico promete identificar automaticamente e mais rápido, alguns detalhes da pele. (Foto: WindowsTeam)

Rumores apontam que Samsung e Apple, podem estar trabalhando para trazer, nos próximos anos, smartphones com leitores de impressão digital embutidos na tela. Os chamados leitores ultrassônicos.

O método ultrassônico promete identificar automaticamente alguns detalhes da pele e, apesar de ser mais caro do que o óptico (da maioria dos celulares, na atualidade), tende a ser muito mais rápido e preciso.

No caso das leituras ópticas, por exemplo, emissões luminosas saem da tela e identificam a impressão digital do dedo, comparando a informação com os registros presentes no dispositivo e, caso ambas combinem, destravando o aparelho.

Segundo reportagem do site sul-coreano Chosun, além da Apple a Samsung também estaria trabalhando em tecnologias semelhante que utilizam o método ultrassônico. No entanto, a novidade deve compor celulares de gerações a partir do Galaxy S10, previsto para o no ano que vem.

Segundo o Phone Arena, essa opção da Samsung por adotar o método apenas em 2019, pulando o Galaxy Note 9, se dá pela crença da companhia de que o método ultrassônico poderá ser utilizado em uma gama maior de dispositivos, como painéis de carros e outros equipamentos inteligentes.

Ainda sobre a Apple, também não fica claro se a companhia incluirá o recurso de leitor de impressão digital nos iPhones deste ano, conforme o Tecmundo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions