A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

23/09/2019 17:10

Agressão de advogada expõe insegurança em Fórum de Coronel Sapucaia

A unidade foi inaugurada em janeiro deste ano e pouco depois foi cogitado o fechamento por falta de segurança

Maressa Mendonça
Fórum de Coronel Sapucaia foi inaugurado em janeiro deste ano (Foto: Junior Machado ) Fórum de Coronel Sapucaia foi inaugurado em janeiro deste ano (Foto: Junior Machado )

Uma advogada de 27 anos foi agredida física e verbalmente na última semana enquanto trabalhava no Fórum em Coronel Sapucaia, município distante a 400 quilômetros de Campo Grande. A confusão ocorreu durante uma audiência de conciliação em que uma das partes envolvidas no processo, mulher de 28 anos, ficou irritada e deu um tapa na profissional. O caso expõe a insegurança da unidade que, por pouco, não foi fechada neste ano.

O caso ocorreu por volta das 11h30 da quinta-feira (19) quando a Polícia Militar foi chamada para ir até o prédio do Fórum atender uma ocorrência de agressão. Os funcionários contaram à polícia que a agressora ficou exaltada durante a audiência enquanto a advogada estava informando alguns procedimentos do processo.

A profissional foi atingida com um tapa no rosto e a agressora tentou fugir. Ela foi contida pela PM e encaminhada para a delegacia, onde um boletim de ocorrência foi registrado.

INSEGURANÇA - O Fórum de Coronel Sapucaia foi inaugurado em janeiro deste ano e pouco tempo depois o próprio Judiciário cogitou o fechamento da unidade. A informação começou a ser divulgada após o roubo de uma agência bancária da cidade, em abril deste ano.

Em julho, foi realizada uma reunião na Governadoria, com participação do governador Reinaldo Azambuja (PSDB), os presidentes do TJMS, desembargador Paschoal Carmello Leandro, e da Assembleia Legislativa, Paulo Corrêa (PSDB), e do prefeito Rudi Paetzold (MDB).

Na ocasião, eles entraram em um acordo de manter a unidade aberta com a condição do reforço na segurança. Mas segundo os funcionários isso não ocorreu.

Em nota, a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça, informou que “as medidas de segurança estão sendo tomadas, inclusive na última reunião do Comitê de Segurança Institucional do TJMS, ocorrida ontem (19), foi aprovada a colocação de cerca elétrica, concertinas e câmeras no Fórum de Coronel Sapucaia. Com relação à questão do policiamento militar, este foi solicitado junto ao Governo do Estado, que já está fazendo gestão para que haja o policiamento diuturno no Fórum da comarca”.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions