ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 25º

Cidades

Em MS, 36 mil clientes da Caixa já podem quitar 45,5 milhões em dívidas

Você no Azul foi lançado pela Caixa no dia 28, com objetivo de negociar R$ 4,1 bilhões em dívidas de 2,6 milhões de clientes

Por Silvia Frias | 30/05/2019 16:15
O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Em Mato Grosso do Sul, 36 mil clientes da CEF (Caixa Econômico Federal) poderão renegociar R$ 45,5 milhões em débitos acima de 360 dias, com descontos que variam de 40% a 90% para liquidação à vista. A Campanha Você no Azul abrange cerca de 2,6 milhões de clientes no País, com dívidas de R$ 4,1 bilhões.

A Campanha Você no Azul foi lançada no dia 28 de maio e refere-se somente para pagamento à vista e não envolve crédito imobiliário. 

Os valores das dívidas variam de R$ 50 a R$ 5 milhões, em contratos sem garantia ou com garantia insuficiente ou considerados de difícil recuperação. O desconto é dado conforme a situação dos contratos e o tipo de operação de crédito.

Segundo a assessoria, 92% poderão quitar dívidas à vista por valores inferiores a R$ 2 mil. Do total, 320 mil são empresas, sendo que 65% têm possibilidade de quitar débito à vista com valores inferiores a R$ 5 mil.

A maior parte das dívidas é de crédito consignado (24,7%), seguido por cartão de crédito (18,1%), cartão de material de construção (15,2%), renegociação de dívidas (15,2%), crédito pessoal (13,8%), rotativo (11,7%) e microcrédito (2%).

A ação estará vigente por 90 dias em todo o território nacional, e os clientes poderão receber atendimento por meio do site www.negociardividas.caixa.gov.br, pelo telefone 0800 726 8068 opção 8, nas redes sociais da CAIXA no Facebook (facebook.com/caixa), Twitter (twitter.com/caixa) e agências.

Os clientes também poderão ser contatados por empresas de recuperação de crédito, contratadas pela CAIXA, além de SMS e outras formas de comunicação, que têm como objetivo divulgar as alternativas de negociação disponíveis.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário