ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, SEXTA  04    CAMPO GRANDE 26º

Cidades

Enquanto “orientava” idosa, golpista que trocava cartões é presa em agência

Valdeci Teixeira Soares foi presa em flagrante no Centro de Campo Grande

Por Fernanda Palheta | 07/12/2019 18:02
Com um mandado de prisão em aberto, Valdeci foi presa em fragrante por furto qualificado na Depac Centro (Foto: Henrique Kawaminami)
Com um mandado de prisão em aberto, Valdeci foi presa em fragrante por furto qualificado na Depac Centro (Foto: Henrique Kawaminami)

Enquanto “orientava” uma idosa, de 69 anos, em uma agência bancária no Centro de Campo Grande, na manhã deste sábado (7), Valdeci Teixeira Soares, de 38 anos, foi presa em flagrante por aplicar o golpe da troca de cartões.

A golpista foi presa após um idoso, de 76 anos, procurar a polícia para denunciar o golpe em uma agência na Rua Maracaju. De acordo com o boletim de ocorrência, o idoso estava no caixa eletrônico para pagar contas. Ele relata que recebeu um comprovante pedindo a atualização das informações bancárias.

O idoso pediu ajuda para um jovem que estava no local e o cartão ficou preso na máquina. Depois da ajuda, o homem foi embora. Em seguida, a vítima percebeu a troca do cartão. Segundo ele foram sacados R$6.866,67 de sua conta corrente e foi feita uma compra de R$ 1.000,00 no cartão de crédito. O idoso ainda relata que o golpista usou o cartão para pagar um licenciamento.

Na agência bancária a polícia flagrou Valdeci “orientando” uma idosa e abordou a golpista. Com ela foram apreendidos vários cartões bancários, entre eles o do idoso, de 76 anos. Além dos cartões foram apreendidos dinheiro e papel com orientação para atualização de dados bancários.

Outra vítima identificada pela polícia, uma mulher, de 56 anos, reconheceu a golpista. Ela contou que foi abordada por Valdeci dizendo que havia saído mais um papel do caixa eletronico. “Se a senhora não o atualizar, vai bloqueado cartão, além de pagar uma taxa de 49,90”, foi a “orientação" dada pela golpista. Durante a "ajuda" os cartões foram trocados.

A golpista contou a polícia que está na Capital há poucos dias, está hospedada em um hotel na Avenida Afonso Pena e veio para aplicar golpes junto com o comparsa, Adriano Correa Santos. Segundo Valdeci, ele estava na frente do banco quando a polícia chegou e ao perceber a movimentação fugiu. A polícia fez buscas na região e encontrou o carro locado no nome do comparsa.

Com um mandado de prisão em aberto, Valdeci foi presa em fragrante por furto qualificado. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário