ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUARTA  17    CAMPO GRANDE 22º

Cidades

Santa Casa faz alerta sobre vírus tão transmissível quanto o da covid-19

Só esse ano, hospital registrou 78 internações pelo Vírus Sincicial, que afeta principalmente crianças

Por Karine Alencar | 23/06/2022 14:53
Mãe e filha esperando por atendimento médico na UPA do Universitário, em Campo Grande (Foto: Marcos Maluf)
Mãe e filha esperando por atendimento médico na UPA do Universitário, em Campo Grande (Foto: Marcos Maluf)

A chegada do inverno, que começou no dia 21 de junho, potencializa a circulação de um vírus tão contagioso quanto o coronavírus. O alerta é da Santa Casa de Campo Grande, que registrou 78 internações pelo VSR (Vírus Sincicial Respiratório), principalmente de crianças.

“A maior incidência ocorre em crianças, bem como a maior gravidade, principalmente em menores de um ano. O vírus acomete tanto as vias respiratórias superiores e inferiores, agravando o quadro, principalmente em prematuros, cardiopatas ou pacientes com fibrose cística”, explicou a dra. Paola Stella de Oliveira, coordenadora médica do Serviço de Pediatria da unidade.

Conforme os dados da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) o VSR é responsável por até 75% das bronquiolites (inflamação dos bronquíolos em crianças pequenas e bebês) e 40% das pneumonias em todo o país.

Assim, a Santa Casa aponta que neste período é preciso uma atenção mais acentuada às crianças, até porque, não existe vacina contra a doença. O que se tem até o momento, é um medicamento indicado para bebês prematuros extremos, casos em que a infecção costuma ser mais grave.

Como prevenir - A doença é muito contagiosa e pode ser transferida assim como o coronavírus, pelo toque, objetos contaminados e também no ar. Diante disso, é importante evitar lugares fechados, aglomerações e manter as mãos sempre limpas.

Principais sintomas- A presença do vírus pode ser identificada pela dificuldade em respirar, secreção nasal, espirros, chiado, dificuldades para mamar, dor de cabeça, dor de garganta, perda de apetite e cansaço.

Nos siga no Google Notícias