ACOMPANHE-NOS    
ABRIL, TERÇA  13    CAMPO GRANDE 29º

Cidades

MS fecha semana com recorde de pessoas internadas por covid em toda pandemia

São 712 pacientes hospitalizados em leitos clínicos ou de UTI, em hospitais públicos e particulares

Por Guilherme Correia | 05/03/2021 11:09
Paciente respira por meio de aparelhos em hospital de Campo Grande (Foto: Arquivo)
Paciente respira por meio de aparelhos em hospital de Campo Grande (Foto: Arquivo)

Boletim epidemiológico indica que há 712 pacientes internados em leitos de terapia intensiva e clínicos, em hospitais públicos e privados de Mato Grosso do Sul. Esse é o maior índice de pessoas hospitalizadas com o coronavírus em todo o período pandêmico no Estado.

Há 13 dias, eram 495 internados - ou seja, houve um aumento de 43%. Apenas em Campo Grande, que detém maior parte dos casos, há 92% de vagas de UTI's (Unidades de Terapia Intensiva) ocupadas.

A secretária-adjunta em Saúde, Christinne Maymone, atribui o aumento na mobilidade urbana como um dos fatores para a piora na saúde pública sul-mato-grossense. "Não temos que nos locomover, temos que ter proteção a nós mesmos e às nossas famílias".

Ela repreendeu aqueles que não têm mantido o distanciamento social - ou seja, aqueles que estão se aglomerando sem necessidade. Segundo ela, há pessoas indo em “evento que vai ter 120 pessoas", sob a justificativa de que "‘está podendo ter evento’". Na prática, para ela, nenhum tipo de evento deverá ser feito durante a pandemia.

Colapso - O secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, afirmou durante transmissão oficial nesta manhã, que pacientes estão sendo transferidos entre municípios com grandes distâncias devido a falta de leitos. "Um paciente de Amambaí foi encaminhado para Aquidauana porque não havia leitos de UTI em Ponta Porã, nem Dourados. Em Naviraí, todos os leitos estão ocupados e há pacientes em ala vermelha".

Em Campo Grande, o Hospital Regional de Mato Grosso do Sul chegou a 100% de taxa de ocupação", disse Resende.

Em Três Lagoas, onde a situação se mostrava "controlável", nas palavras do secretário, há apenas 10% das vagas em UTI's livres, conforme boletim.

Boletim atualizado - São 23 novas mortes e 771 infectados por covid-19, inseridos em banco de dados estadual até a manhã desta sexta-feira (5). Com isso, são 3.416 óbitos e 185,8 mil casos confirmados.

Entre os novos óbitos, há registros dos municípios de Campo Grande (5), Corumbá (2), Sidrolândia (2), Ponta Porã (2), Três Lagoas (2), Mundo Novo, Itaporã, Rio Negro, Aquidauana, Costa Rica, Dourados, Naviraí, Iguatemi, Cassilândia e Amambaí.

Os dados consolidados de cada município podem ser conferidos por meio do link.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário