A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

16/06/2009 14:04

Adiado júri popular de bombeiro acusado de assassinato

Redação

Está adiado o júri popular do bombeiro da reserva Vilmar Gomes Pereira, 49 anos. O julgamento seria realizado nesta terça-feira, mas foi adiado para 2 de julho, a partir das 8 horas.

O motivo é que não foram entregues ao júri fotocópias dos acórdãos que anularam o julgamento de Vilmar, em 2007.

Na época, os jurados entenderam que ele foi o autor do disparo, no entanto houve desclassificação da qualificadora do homicídio, a acusação recorreu e o júri foi adiado para este ano.

O militar é acusado de assassinar com um tiro no rosto Carlos Alexandre Macena, em outubro de 2003, em uma estrada vicinal, próximo ao clube Lagoa Rica.

Na época do crime, foi divulgado que Vilmar, o também bombeiro Daniel Gomes da Silva e o policial civil Irineu Louveira, levaram a vítima para o local do crime com a intenção de espanca-lo.

Carlos Alexandre era agredido quando Vilmar teria disparado um tiro acidentalmente.

Inscrições para o Vestibular 2018 da UFMS seguem abertas
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) segue com inscrições abertas para o Vestibular 2018, que selecionará alunos para cursos de gradua...
Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions