A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

08/05/2012 12:02

Administrativos da Educação param as atividades nesta quarta e quinta

Wendell Reis

Os servidores do administrativo da Educação de Mato Grosso do Sul prometem parar as atividades nesta quarta (9) e quinta-feira (10). A paralisação pode ocorrer por conta de um desacordo no reajuste salarial da categoria. O presidente da FETEMS (Federação dos Trabalhadores em Educação do Mato Grosso do Sul), Roberto Magno Botareli Cesar, afirma que o Governo quer dar um reajuste de 6%, mas a categoria solicita 17%.

Botareli explica que os servidores do administrativo defendem salário de R$ 1451,00 para os servidores com ensino médio, o que equivale ao salário de um professor do ensino médio. Hoje, a categoria com 6,4 mil servidores recebe R$ 952,73.

Como alternativa para chegar ao valor de R$ 1451,00, a categoria propõe uma divisão do aumento em 3/3, divididos em 1/3 a partir do mês que vêm e os outros 2/3 divididos igualmente nos próximos dois anos. Nesta proposta, o salário do administrativo chegaria a R$ 1.114,00 já no próximo mês.

Amanhã (9), às 8 horas, os servidores devem se reunir na sede da FETEMS, em Campo Grande, para avaliar os encaminhamentos a serem tomados em repúdio ao desacordo. Roberto Magno acredita que a paralisação de amanhã e de quinta-feira pode fazer as escolas pararem as atividades, visto que não terá funcionários, a exemplo, para limpar os banheiros.

Roberto Magno afirma que há falta de funcionários na maioria das escolas do Estado e muitos servidores assumem funções que não deveriam. Segundo ele, muitas vezes uma funcionária da limpeza ou merendeira acaba acumulando várias funções para corrigir o problema. Em repúdio ao desacordo, ele afirma que a FETEMS deve orientar os funcionários a cumprirem apenas as obrigações da função que exercem. “O Governo que faça concurso e coloque mais funcionários”. Durante a reunião os servidores também discutirão novos encaminhamentos em protesto ao desacordo.

Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions