A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019

21/10/2009 08:54

Após confronto com PM, índios continuam em fazendas

Redação

Os índios terena que entraram em confronto nessa terça-feira com a PM (Polícia Militar), continuam acampados nas três fazendas, em Sidrolândia, cidade que fica a 70 quilômetros de Campo Grande.

Índios e Polícia dizem que não houve confronto na noite de ontem, nem durante esta madrugada. No entanto, o clima ainda é tenso na região.

Policiais seguem acampados em uma fazenda vizinha a das invadidas pelos indígenas, mas não houve mais confrontos.

A cúpula da Segurança Pública do Estado está reunida na PF (Polícia Federal) nesta manhã. Ontem, foram várias reuniões para discutir as invasões em Sidrolândia.

Policiais federais e representantes da Funai (Fundação Nacional do Índio) sobrevoaram ontem as três fazendas invadidas e chegaram a conversar com os índios.

As três fazendas invadidas são 3R, Cambará e Querência São José. Cerca de 500 indígenas da aldeia Buriti estão nas propriedades rurais.

As fazendas foram invadidas no sábado (17) por índios de várias aldeias da região de Sidrolândia. Na segunda-feira, o grupo invasor e a Famasul (Federação de Agricultura de Mato Grosso do Sul) entraram em acordo e os indígenas se comprometeram a sair da área. No entanto, um grupo da aldeia Buriti permanece no local.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions