ACOMPANHE-NOS    
MAIO, QUINTA  26    CAMPO GRANDE 22º

Cidades

Bruno vai a júri por desaparecimento de Eliza e 4 são soltos

Por Aline dos Santos | 18/12/2010 12:05

O goleiro Bruno vai a júri popular pelo desaparecimento da ex-amante Eliza Samudio. A decisão da justiça de Minas Gerais, divulgada ontem, também determina que Luiz Henrique Ferreira Romão, o "Macarrão”, Sérgio Rosa Sales (primo do goleiro,e o ex-policial civil Marcos Aparecido dos Santos, o “Bola”, enfrentem júri popular.

Conforme o site do jornal O Estado de São Paulo, quatro acusados de envolvimento no desaparecimento de Eliza foram soltos na madrugada deste sábado.

Dayanne Rodrigues do Carmo Souza (ex-mulher de Bruno), Fernanda Gomes de Castro (amante do jogador), o caseiro Elenilson Vítor da Silva e Wemerson Marques de Souza tiveram as prisões preventivas revogadas.

Eles não responderão pelo crime de assassinato da jovem, mas vão a julgamento por sequestro e cárcere privado do bebê de Eliza. O menino Bruninho mora com a avó em Anhanduí, distrito de Campo Grande.

Eliza, que tentava provar que o menino é filho de Bruno, desapareceu em junho e o corpo não foi encontrado. Mesmo assim a polícia conclui o inquérito com base em provas de que ela foi torturada e morta a mando do goleiro.

Nos siga no Google Notícias