A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

31/07/2008 10:54

Candidato foragido por homicídio tenta habeas-corpus

Redação

Foragido e suspeito de envolvimento no assassinato de Alcir Pedro Arantes, Hildebrando Mariano de Almeida, candidato a vice-prefeito pelo PPS em Rochedo, entrou com pedido de habeas-corpus.

Ele tenta se livrar do mandado de prisão expedido pela 2ª Vara do Tribunal do Júri. O habeas-corpus foi impetrado no Tribunal de Justiça nesta quinta-feira. A decisão será do desembargar-relator João Batista da Costa Marques.

Hildebrando está foragido desde o fim da semana passada quando o Garras (Grupo Armado de Repressão e Resgate a Assaltos e Seqüestros) esteve em Rochedo, que fica a 83 quilômetros de Campo Grande.

Apesar dele não ter sido preso, os policiais prenderam a professora Edinalva Vieira de Almeida Linpiski e a empregada doméstica Iranilda Andréa do Nascimento.

As duas eram muito amigas de Cyntia Carvalhos Martins, ex-mulher de Alcir e suspeita de ter sido a mandante. A polícia suspeita que elas sabiam plano para matar o empresário. Iranilda trabalhava há oito anos com Cyntia, e teria sido a primeira a saber que Alcir havia sido morto. Ela nega que a ex-patroa seja a mandante.

De acordo com a Polícia Civil, Hildebrando era primo de Alcir e amante de Cyntia. Ele teria sido o responsável por financiar o crime e ainda pelo pagamento dos advogadas dela.

Cyntia está presa desde o início do mês, assim como João Batista Domingos o

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions