ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUARTA  29    CAMPO GRANDE 16º

Capital

A caminho da Paraíba, mulher é presa com maconha em Aeroporto

Parte do entorpecente estava dentro de balões de borracha de cores preta, verde e amarela

Por Viviane Oliveira | 20/05/2022 09:48
Maconha, parte dela dentro de balões, foi apreendida no Aeroporto Internacional de Campo Grande. (Foto: Reprodução)
Maconha, parte dela dentro de balões, foi apreendida no Aeroporto Internacional de Campo Grande. (Foto: Reprodução)

Maria Alice de Queiroz Araújo, 30 anos, foi presa com 10 quilos de maconha no Aeroporto Internacional de Campo Grande, ontem, quando tentava embarcar no avião para João Pessoa, na Paraíba.

A Polícia Federal fazia fiscalização de rotina das bagagens do voo, que partiria de Campo Grande para João Pessoa, quando aparelho de raio-X mostrou imagem suspeita em uma das malas.  Com base nos dados da etiqueta de bagagem, a proprietária foi identificada na sala de embarque do aeroporto e levada para sala da Polícia Federal. Lá, a mala foi aberta e encontrado os tabletes de maconha.

Indagada, a mulher disse que não conhece a cidade e recebeu a mala já com a maconha em uma rua, nas proximidades do aeroporto. Ela também não soube dizer a identidade de quem entregou a bagagem. Depois de pesado, o entorpecente totalizou 10 quilos.

Alguns dos sacos com o entorpecente estavam marcados como 3 vapo vapo e 7 belo. (Foto: Reprodução)
Alguns dos sacos com o entorpecente estavam marcados como 3 vapo vapo e 7 belo. (Foto: Reprodução)

Parte do entorpecente estava dentro de balões de borracha de cores preta, verde e amarela. Enquanto outros apresentavam as inscrições manuscritas: 3 vapo vapo (com desenho de uma pessoa com os braços cruzados) e 7 belo.

Maria Alice passará por audiência de custódia na Justiça para definir se ficará presa esperando o andamento do inquérito e posterior processo ou se poderá responder em liberdade.

Viatura da Polícia Federal no Fórum durante audiência de custódia nesta manhã. (Foto: Henrique Kawaminami)
Viatura da Polícia Federal no Fórum durante audiência de custódia nesta manhã. (Foto: Henrique Kawaminami)


Nos siga no Google Notícias