A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

15/07/2014 09:43

Ação alerta homens, que correm do médico, da prevenção na saúde

Aliny Mary Dias
Homens receberam orientações e passaram por atendimento médico (Foto: Marcos Ermínio)Homens receberam orientações e passaram por atendimento médico (Foto: Marcos Ermínio)

Homem e consulta médica preventiva são dois termos difíceis de serem vistos juntos. Muito em razão da falta de interesse e da paciência em fazer todos os trâmites no caso do SUS (Sistema Único de Saúde) ou esperar horas na rede privada. Em comemoração ao Dia Nacional do Homem, comemorado hoje (15), se o homem não vai ao consultório, os atendimentos médicos vão até ele.

Mais de 800 homens incluídos em projetos sociais e que desempenham funções coordenadas pela Seintrha (Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação) participam de um projeto da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) que lembra o dia deles com atendimentos médicos preventivos gratuitos.

Entre os serviços que serão oferecidos na sede da Seintrha até o fim da manhã estão a aferição de pressão arterial, testes de glicemia, prevenção a álcool, drogas e tabagismo, aferição de peso e massa corpórea, odontologia, vacinação, consultas com clínico geral, urologista e testes de HIV.

A gerente técnica do Programa de Saúde do Homem da Sesau, Rejane Sartor, explica que o objetivo de levar os atendimentos aos homens é em razão do hábito deles de não procurar o médico para prevenir qualquer tipo de doença.

“Existe essa fama dos homens de não ir ao médico ou de ter vergonha, então nós trouxemos esses atendimentos porque é muito mais importante prevenir qualquer doença do que cuidar depois”, afirma Rejane que lembra ainda que o Programa 3º Tempo, aquele que proporciona consultas médicas em unidades básicas durante a noite, dá opções aos homens que trabalham o dia todo.

Homens fizeram fila para ser atendidos (Foto: Marcos Ermínio)Homens fizeram fila para ser atendidos (Foto: Marcos Ermínio)
Anastácio vai pouco ao médico e aproveitou ação para se consultar (Foto: Marcos Ermínio)Anastácio vai pouco ao médico e aproveitou ação para se consultar (Foto: Marcos Ermínio)

Um exemplo de falta de preocupação com a saúde é o trabalhador de serviços gerais Anastácio Vera. Aos 57 anos, ele admite que poucas vezes procurou o médico e em todas elas a ida ao consultório só aconteceu quando “não dava mais para aguentar”.

Com o programa oferecido pela Sesau hoje, Anastácio enfrentou a fila para medir a pressão arterial e também quer passar por um clínico geral. “Eu espero não ter nada, mas se aparecer alguma coisa, vou tratar”, diz.

José Augusto, 67 anos, é um exemplo a ser seguido pelos homens. Consultas médicas preventivas são feitas com frequência por ele que não perdeu a oportunidade neste Dia do Homem e também vai medir a pressão arterial. “É muito importante cuidar da saúde porque vida a gente tem uma só”, completa.

O secretário de Saúde, Jamal Salém, também esteve presente no evento e lembrou aos participantes a importância das consultas com urologistas, a partir dos 40 anos, para prevenir o câncer de próstata. “É de grande importância essa ação preventiva porque muitas vezes descobrem a doença em estado avançado”.

O prefeito Gilmar Olarte ressaltou que a prevenção custa muito menos aos cofres públicos do que os tratamentos curativos.

Jamal Salém e Gilmar Olarte participaram de ação (Foto: Marcos Ermínio)Jamal Salém e Gilmar Olarte participaram de ação (Foto: Marcos Ermínio)
Ação vai ocorrer durante toda a manhã (Foto: Marcos Ermínio)Ação vai ocorrer durante toda a manhã (Foto: Marcos Ermínio)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions