A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

01/03/2011 18:57

Adolescente envolvido em roubo e estupro é solto 2 meses após crimes

Nadyenka Castro

Ele saiu da Unei há 4 dias

Wanderley assaltou chácara e estuprou mulher grávida. (Foto: Wanderley assaltou chácara e estuprou mulher grávida. (Foto:

Já está solto o adolescente de 15 anos que confessou envolvimento no assalto seguido de violência sexual, ocorrido na noite do dia 23 de dezembro do ano passado, em uma chácara do Jardim Itamaracá, em Campo Grande.

Ele estava apreendido na Unei (Unidade de Internação Educacional) Dom Bosco desde 3 de janeiro e saiu de lá na última sexta-feira (25) por determinação judicial.

O adolescente foi para Unei após ter se apresentado à Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude) e confessado participação nos crimes.

Ele disse que participou do roubo e que estuprou uma mulher que não estava grávida. Enquanto o comparsa dele, Wanderlei Rocha da Luz, 30 anos, violentou a gestante.

Wanderlei foi preso dois dias após ter cometido os crimes, na casa onde morava, em uma chácara próxima a das vítimas e também confessou o roubo e o estupro.

Eles roubaram diversos aparelhos eletrônicos, uma televisão de LED recém-comprada, câmera filmadora, o revólver e a caminhonete L-200. O veículo foi localizado em uma rua das Moreninhas.

Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...


Olhe, nos ficamos indignados quando tomamos conhecimentos de algumas sentenças decretadas por alguns membros da justça ou do judiciario "inclusive juizes"; parecem estar brincando com as evidencias dos fatos ou estao loucos, ou gostam de gerar polemicas e revolta na sociedade......

....em um caso desse temos que nos segurar para nao cometer-mos justiça com as proprias maos, já que as autoridades não o faz...
 
Gilson Almeida em 02/03/2011 09:56:10
Obviamente isso é o mesmo que fazer apologia ao crime! Essa é a melhor escola para uma vida de crimes. Esse tipo de justica dá licenca para matar, estrupar, com garantia de impunidade! É lamentavel essa forma de fortalecer o crime, a corrupcao e etc... e enfraquecer a justica!
 
Ruth Farrelhi em 02/03/2011 08:56:52
a Bíblia, em todo o Novo Testamento, em nenhum momento é contra a pena de morte. nós devemos perdoar, mas o Estado tem o PODER para condenar à morte.
em duas passagens é mencionado que o Estado tem o PODER, que é concedido de "cima", ou seja, por Deus...
 
Ademir Rodrigues em 02/03/2011 08:45:52
Um absurdo como o ECA"é assim mesmo que se escreve,até parece aquelas ocasiões em que a gente se depara com algo nojento e diz ECA" protege esses vagabundos, vitima nem se recuperou e o vagabundo já está solto.
 
nilson franco de oliveira em 02/03/2011 08:27:01
Pensei em escrever e dizer muitas coisas. Penso muito na destruição psicológica da família da v´´itima, pois convivo com isso todos os dias. As vejo nos primeiros momentos de desespero, onde uma sensação de desemparo e solidão invade a todos, vítimas, policiais, familiares. Só consigo dizer: é muito triste ver os direitos humanos das vítimas assolapados por uma legislação de faz de conta. Faz de conta que o adolescente é um ser indefeso, faz de conta que ele é vítima da sociedade, faz de conta que tem vontade de se recuperar, faz de conta que está arrependido, faz de conta que não é perigoso, faz de conta que é apenas um menino, faz de conta....
 
reginaldo salomao em 02/03/2011 07:41:59
Certamente o juiz que decidiu pela soltura o abrigará em sua residência.
 
Flavio Braga em 02/03/2011 07:25:47
Pois veja como são as coisas. O garoto ladrão e estuprador já está solto. Daqui a pouco estará cometendo outros crimes piores e bem mais graves do que os praticados até o momento. Uma pessoa assim não poderia estar em liberdade em curto espaço de tempo. O que foi feito é imperdoável. Só está faltando no curriculum desse garoto o crime de latrocínio, homicídio simples, homicídio qualificado e outros dessa natureza. A julgar pelo crime que praticou tendo a idade que tem, não demorará muito para isso acontecer. Cadeia pra gente assim, quem sabe aprende.
 
jonas bilder em 02/03/2011 07:11:01
A impunidade, a irresponsabilidade andando de maõs juntas com a justiça. Esse monstro tem que morrer pendurado em pedaços pela cidade e seus comparsas também. È para isso que serve o voto que você deposita nas urnas, mostrar que votar e escolher futuros políticos não servem para nada. Pena de morte, é isso que esse país precisa.
 
Alcindo Moreira em 01/03/2011 11:51:29
A impunidae é que gera violência. No mínimo quem foi estrupada é pobre e não tem influência.
Pois a poucos meses um enor entrou numa festa e deu socos na cara de outro menor, mas como a vítima era parente de pessoas influentes, os agressores ficaram presos e quase pegaram prisãoperpétua.
Depois que a familia ( esposo ) dessa vitima de estupro faz justiça com as próprias mãos, vem uns idiotas protegendo esses marginais que se escondem atrás da minoridade.
A hr que ele atacar uma pessoa influente, tenho a certeza que alguém dará um jeito nele, para ficar preso.
Bandido não tem idade e, infelismente está no DNA, não tem remédio, ou é cadeia perpétua ou cemitério para dar conta.
 
Kamél El Kadri em 01/03/2011 07:13:16
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions