A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

29/06/2011 10:30

Alunos da 5ª série se formam no Proerd e dão lições sobre prevenção das drogas

Paula Vitorino

Mais de mil alunos se formam hoje em projeto que orienta sobre segurança e drogas

Alunos da escola municipal participaram de formatura do Proerd nesta manhã. (Fotos: Marcelo Victor)Alunos da escola municipal participaram de formatura do Proerd nesta manhã. (Fotos: Marcelo Victor)

“Ficar longe das drogas porque ela faz mal para o nosso corpo”. Essa foi uma das lições aprendidas por mais de mil alunos de escolas municipais que participaram durante todo este primeiro semestre do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência).

Durante a formatura dos alunos no Programa, nesta manhã, as crianças da quinta série tinham na ponta da língua os ensinamentos e garantiram que os professores – como são chamados os policiais militares – e o Proerd vão fazer falta.

“Se fosse até o fim do ano seria mais legal”, afirma Adelino de Abreu, de 10 anos.

Outro ponto em comum entre as crianças é o desejo de levar os ensinamentos para outras pessoas, como familiares e amigos. “Ensinei tudo que aprendi para o meu irmão de 12 anos. Acho que agora vamos poder ajudar outras pessoas, explicando o que o professor me ensinou”, garante Maressa Mendes Martins, de 10 anos.

E de acordo com o coronel Oscar Rodrigues, esse é um dos principais objetivos do Programa, multiplicar as informações aprendidas para as pessoas próximas.

“Em 14 anos de Proerd já formamos mais de 150 mil alunos, mas o número de pessoas que receberam as informações é muito maior porque eles repassam o que aprenderam para a comunidade”, explica.

Rodrigues ressalta que o Programa é voltado para três missões: prevenção as drogas, segurança na escola e aproximar o policial da comunidade.

“Se a comunidade confia no policial vamos poder ajudar muito mais, sabendo dos problemas daquele local. Já percebemos que em comunidades de escolas que já participaram refletiram bons resultados”, diz.

Alexandre conta que aprendeu no projeto os efeitos das drogas no corpo. Alexandre conta que aprendeu no projeto os efeitos das drogas no corpo.

Lições dos pequenos - As amigas Maressa e Nathalia Batista, de 10 anos, ensinam que a droga é perigosa e causa vício.

“Você fica viciada na droga só de experimentar uma vez. É uma coisa muito ruim”, alertam.

Elas também acreditam que se não tivessem participado do Programa estariam mais vulneráveis ao contato com drogas, bebidas, cigarros, entre outros vícios.

“A gente não ia aprende e não ia sabe porque faz mal. Podia um dia acontecer de experimentarmos”, diz Nathalia.

Já o garoto Douglas de Jesus, de 10 anos, explica que fumar causa mal-hálito e outras conseqüências que não vão fazer bem no futuro.

“Se você fuma vai afetar o desenvolvimento do seu corpo”, afirma.

O estudante Alexandre da Silva, de 10 anos, aprendeu com um vídeo os efeitos das drogas no pulmão. “A professora mostrou o pulmão da pessoa que fuma, preto, horrível”, diz.

O sargente Jaime Gonçalves conta que sua sobrinha "salvou" a vida do pai com os ensinamentos do Projeto.

"Ela levava as cartilhas para casa e ficava falando pro pai, aí meu cumpadre me confessou que teve de parar de fumar e beber. Ele tinha problemas de saúde, salvou a vida", diz.

Programa - A secretária da Semed (Secretaria Municipal de Educação), Maria Cecília Amendola da Motta, explica que o Proerd previne e forma as crianças sobre as drogas e violência.

“Acreditamos que orientando desde pequeno a criança vai crescer consciente das questões sociais ao redor, como não revidar e provocar uma briga e aceitar algum tipo de droga. Ela vai repensar quando tiver que tomar alguma atitude em seu meio”, diz.

De acordo com a secretária, nesta quarta-feira (29) serão formados alunos de 35 escolas da Capital, em duas solenidades.

O Proerd é desenvolvido pela Semed em parceria com a Polícia Militar. Segundo o coronel Rodrigues, 12 Pms são dedicados exclusivamente para o projeto na Capital. Em todo o Estado são cerca de 70 policiais, presentes em 48 municípios.

“O policial na escola está fardado e, portanto, também garante a segurança do local”, diz.

Todos os policiais recebem treinamento para saber trabalhar com os alunos, de acordo com a faixa etária. O Programa é desenvolvido dentro das salas de aula.

No próximo semestre novas escolas irão participar do Proerd.



eu acho que eles foram otimos(a) e eu acho que cando eu tiver a idade para se formar no proerd eu vou ser iguais a eles ou elas pq elas foram fantasticas

 
Maria Eduarda em 05/07/2011 08:19:35
espera eles chegarem até a faculdade...
 
Pedro Henrique Bastos Braga em 30/06/2011 02:29:40
Parabéns Policiais Militares/PROERD.
Parabéns alunos! Que os ensinamentos dos Instrutores ajudem vocês se tornarem grandes homens longe das drogas e da violência.

 
Ione Alves em 29/06/2011 09:22:43
tive aulas do proed em 2002, lembro como se fosse hoje, era muito bacana eu adorava, o meu professor era o Laudelino que era PM, tempos bons q nao voltam
Parabens pela continuidade desse projeto
 
José Luis em 29/06/2011 08:38:20
Parabéns Polícia Militar!!!!!!!!!!!!!! Prevenção é a palavra de ordem quando o assunto é drogas. Adote seu filho antes que um traficante o faça!
 
luiz henrique mandetta em 29/06/2011 06:39:39
muito legal esse projeto, eles ensinam mesmo!!
é muito bom para essas crianças de hoje em dia que
são "levadas" pelo que os amigos falam!!
lembro até hoje de minha formatura, lembro até do meu professor ANTONIO
ele era o maximo eu adorava ele..
"proerd é um programa legal!proerd educação lutando contra as drogas ensinando a dizer NÃO" eu adorava essa musica!
parabens por terem formado mais alunos a ficarem longe das drogas!!!
 
Pâmela Maria em 29/06/2011 02:32:19
Só esqueceram de lembrar dos Guardas Municipais,
que também estão fardados fornecendo assim a segurança do patrimônio e de todos que ali estão.

obrigado!
 
Matheus Salles em 29/06/2011 01:47:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions