A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

21/09/2014 13:48

Amigos de adolescente assassinado percorrem locais que ele gostava

Liana Feitosa e Renan Nucci
Ponto de partida foi bar onde Alex costumava se encontrar com amigos. (Foto: Marcelo Calazans)Ponto de partida foi bar onde Alex costumava se encontrar com amigos. (Foto: Marcelo Calazans)

Mais de 200 pessoas se reuniram por volta do meio dia em comboio para homenagear o adolescente Alex Thadeu Figueiredo Schois de Oliveira, 17 anos, encontrado morto em um matagal na Chácara dos Poderes, há uma semana, em Campo Grande.

O ponto de partida das motos e carros foi um bar na rua Anaçá, nas Moreninhas, onde Alex costumava se encontrar com amigos. O grupo partiu em sentido ao cemitério Santo Amaro e, no trajeto, passou por lugares que a vítima costumava ir como, por exemplo, o Lago do Amor.

No cemitério, o grupo fez uma homenagem no túmulo, cantando uma música e fez orações. Uma das amigas de Alex, a auxiliar de cozinha Aline Pereira, 21 anos, disse que, apesar de já ter passado uma semana, a morte do adolescente é ainda muito dolorosa para todos os amigos. "O Alex era um menino muito bom, todos gostavam dele e ainda estamos sem entender o que aconteceu", compartilhou, afirmando ainda que espera que a polícia consiga concluir o caso e encontrar os culpados.

Outro amigo da vítima, Hugo Silva, 19 anos, disse que sente muita falta do rapaz, já que eram bem próximos. Para ele, Alex pode ter sido vítima de inveja, já que era um menino esforçado, trabalhador e tinha muita habilidade em manobras com a moto.

 

Caravana foi até cemitério onde adolescente está enterrado. (Foto: Marcelo Calazans)Caravana foi até cemitério onde adolescente está enterrado. (Foto: Marcelo Calazans)

"Por conta dessas habilidades, alguém pode ter atentado contra a vida dele. Mas todos são amigos fieis dele e não vamos abandoná-lo agora. Sempre que pudermos vamos visitar o túmulo dele", finaliza.

Apesar da tristeza pela perda do filho, Jaqueline Brites Figueiredo, 42 anos, disse que sente conforto por saber que Alex era uma pessoa muito querida ao ver a quantidade de pessoas que se mobilizaram por ele. "Sinto muita falta dele, a dor é imensa, mas espero que a justiça seja feita o quanto antes para que outras mães não passem pelo que eu passei", concluiu.

Caso - Alex foi a uma festa na sexta-feira (12), mas foi para casa após o evento. Quando desapareceu, estava em uma moto Honda CG Titan Fan preta, placa NRM 0724, de Campo Grande. A polícia suspeita de latrocínio porque o veículo sumiu. Mas uma pulseira de ouro e a carteira do jovem, com R$ 267, foram encontradas com ele, o que torna a situação mais confusa.

As investigações são conduzidas pela 3ª Delegacia de Polícia da Capital.

Amigos criam grupo para mostrar indignação com morte de adolescente
Grupo criado em uma rede social presta homenagens a Alex Thadeu Figueiredo Schois de Oliveira, 17 anos, encontrado morto no domingo (14), em um matag...
Polícia segue sem pistas da morte de adolescente na Chácara dos Poderes
A polícia ainda não tem pistas sobre a identidade do autor do tiro que matou o adolescente Alex Thadeu Figueiredo Schois de Oliveira, 17 anos. O rapa...
Brinquedos feitos por detentos são doados para crianças em escola
Parceria feita entre a a Semed (Secretaria Municipal de Educação) e a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) garantiu ne...
Falta de pagamento faz prefeitura suspender hemogramas na rede pública
A falta de pagamento para um fornecedor de insumos fez com que a prefeitura de Campo Grande suspendesse a partir desta quarta-feira (13) a realização...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions