A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

06/07/2016 08:45

Após roubo de uniformes, moradores denunciam ação de falsos agentes

Fernanda Mathias
Relato sobre suposta tentativa de assalto na Vila Planalto, segunda-feira. (Imagem:Reprodução/Facebook)Relato sobre suposta tentativa de assalto na Vila Planalto, segunda-feira. (Imagem:Reprodução/Facebook)

Dois meses após o roubo de uniformes e crachás de agentes que trabalham no controle de endemias para a Prefeitura de Campo Grande, moradores de vários bairros estão recorrendo ao Facebook para alertar outras pessoas sobre supostas ações de assaltantes que estariam se passando pelos agentes para tentar entrar em residências.

 

No grupo “Comércio Delas”, há postagens de moradores de várias regiões diferentes da Capital: conjunto Aero Rancho, Planalto, Jardim Columba e Jardim Imá.

O Campo Grande News conversou com uma das vítimas, que escreveu o relato mais detalhado sobre a ação dos supostos assaltantes. Ela mora na Vila Planalto e conta que na segunda-feira, por volta de 9h30, um homem usando uniforme e crachá de agente de saúde chegou ao portão e se identificou como “Jefferson”. “Ele disse que estava no lugar da Patrícia, mas já estranhei de cara porque a moça que vem aqui não se chama Patrícia”.

Outra moradora, do Jardim Colúmbia, diz que acionou a PM (Reprodução?Facebook)Outra moradora, do Jardim Colúmbia, diz que acionou a PM (Reprodução?Facebook)

A moradora disse que o homem também pediu que ela prendesse o cachorro e quando ela se recusou afirmou que chamaria um parceiro. “Eu disse que aqui só entra um e ele ligou para uma pessoa, avisando que a dona da casa não estava sozinha e tinha cachorro bravo. Mas o que mais me impressionou é que ele me olhou nos meus olhos e disse: ‘eu desisti de entrar na sua casa, mas a senhora não faz idéia da sorte que tem’. O homem teria deixado o local em um carro, Uno, de cor branca com outros três ocupantes, todos usando uniformes.

Apesar de não ter registrado boletim de ocorrência, a vítima resolveu relatar o caso no Facebook para alertas outras pessoas e na sequência surgiram outros depoimentos de moradores de localidades distantes mencionando situações semelhantes.

O delegado titular da Derf (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos), Luís Alberto Ojeda, afirma que há registros de casos de roubos por criminosos que se passam por agentes públicos ou prestadores de serviço, mas não uma escalada de casos específicos em relação a falsos agentes de saúde. A Polícia Militar também não tem registro de ocorrências recentes relacionadas à ação de falsos agentes.

Moradores também relatam ação de supostos assaltantes no Imá e Aero Rancho.Moradores também relatam ação de supostos assaltantes no Imá e Aero Rancho.

Furto e alerta – Em maio a Prefeitura de Campo Grande emitiu um alerta à população quanto ação de criminosos que podem se passar por agentes de saúde para entrar nas casas.

Ladrões arrombaram o Centro Comunitário do bairro Rita Vieira e levaram várias bolsas, crachás e roupas dos agentes comunitários.

A orientação da Guarda Municipal é que as pessoas fiquem atentas a situações anormais, por exemplo, como visitas de agentes desconhecidos, uma vez que geralmente esses agentes já são conhecidos pela população; horários fora da rotina e também ausência de documentos. Na dúvida, não abrir a porta.

Os agentes não atuam, por exemplo, no fim da tarde ou no período noturno. Em caso de desconfiança, ligar para o 190.

Moradores prendem suspeito de assaltar mulher com criança no colo
Armado com uma faca, Igor Mateus Lima da Costa, 19 anos, assaltou uma mulher que estava com o filho no colo e acabou preso por moradores. O caso acon...
Homem de 30 anos é esfaqueado e fica em estado grave
Bartolomeu Gomes de Araújo Barbosa, 30 anos, ficou gravemente ferido após ser atingido a golpes de faca no abdômen, na noite de ontem (12), na Rua Bo...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions