A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

18/06/2012 22:39

Assembleia homenageia 104 anos da colônia japonesa no Estado

Nyelder Rodrigues
Além de homenagens, solenidade contou também com apresentação cultural (Foto: Wagner Guimarães/ALMS)Além de homenagens, solenidade contou também com apresentação cultural (Foto: Wagner Guimarães/ALMS)

A colônia japonesa do Mato Grosso do Sul foi homenageada nessa segunda-feira (18) durante sessão solene na Assembleia Legislativa do Estado, com a entrega do troféu Nishikigoi. Ao todo, 18 representantes da colônia foram homenageados.

Parte das comemorações dos 104 anos da imigração japonesa no Brasil e do Dia da Comunidade Japonesa, o evento aconteceu por meio da deputada estadual Dione Hashioka (PSDB). Mato Grosso do Sul tem hoje a terceira maior colônia japonesa do Brasil, que é parte integrante da história do Estado.

Um dos homenageados foi o empresário Yoshitaka Anzai, japonês natural de Koryama, no Japão, e que há 55 anos vive no Brasil. Para ele, o troféu representa o reconhecimento do Estado para com o povo japonês, que, assim como ele, escolheu o Estado para viver.

Para o presidente da Associação Esportiva e Cultural Nipo Brasileira de Campo Grande, Bernardo Tibana, a solenidade representa a oportunidade de homenagear os antepassados da comunidade japonesa, que se incorporaram à vida dos brasileiros, suas culturas e costumes.

O trabalho desenvolvido no Estado fez com que a Assembleia Legislativa aprovasse a lei estadual 1.939, de 8 de julho de 1999, e instituísse o dia 18 de junho como o ‘Dia da Comunidade Japonesa’, reconhecendo publicamente o trabalho e a importância da Colônia Japonesa no desenvolvimento do Estado e do país.



Parabéns à comunidade japonesa, pela data comemorativa, em homenagem aos primeiros imigrantes que aqui chegaram, os quais muito contribuíram nesta TERRA abençoada.
 
Eid Toufic Anbar em 19/06/2012 11:08:37
Parabéns a colonia japonesa, esse povo tão guerreiro, trabalhador e disciplinado, é só ver o percentual de marginal, analfabeto, ignorantes, mães adolescentes entre os japoneses... cultura de primeira povo raçudo que valoriza a educação e chegou onde chegou sem esmolas do governo ou cotas, apenas com esforço e méritos um exemplo a ser seguido, qual o segredo deles? eles valorizam MUITO a educação
 
Carlos Moura em 19/06/2012 08:29:50
E mesmo sendo a terceira maior colônia japonesa do Brasil, ainda não há um consulado japonês aqui. Quem quer visitar o Japão precisa ir até São Paulo para conseguir o visto ou pagar caro para alguma agência de viagem fazer isso.
 
Leandro Batista em 19/06/2012 07:28:31
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions