A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

13/06/2016 15:12

Campo Grande registra rajada de vento de 45 km/h que derrubou galho de árvore

Funcionários da Seintrha confirmaram que árvore está condenada e será removida amanhã

Leandro Abreu e Guilherme Henri
Corpo de Bombeiros foi acionado para cortar, limpar e liberar o trânsito na rua Pará. (Foto: Alcides Neto)Corpo de Bombeiros foi acionado para cortar, limpar e liberar o trânsito na rua Pará. (Foto: Alcides Neto)
Conforme funcionários da Seintrha que estiveram no local, a árvore está condenada e deve ser removida amanhã. (Foto: Alcides Neto)Conforme funcionários da Seintrha que estiveram no local, a árvore está condenada e deve ser removida amanhã. (Foto: Alcides Neto)

Campo Grande teve registros de rajadas de vento com até 45 km/h na manhã desta segunda-feira (13) e um grande galho de uma árvore na rua Pará caiu e interditou parte da via. O Corpo de Bombeiros foi acionado para cortar o galho, limpar a rua e liberar o trânsito. Conforme funcionários da Seintrha (Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Habitação) que estiveram no local, a árvore já está condenada e deve ser removida.

De acordo com o meteorologista Franco Villela, do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), entre às 8h e 9h da manhã, no horário de Mato Grosso do Sul, rajadas de vento que chegaram a 45 km/h foram registradas pelas bases meteorológicas do instituto. “Geralmente esses ventos são característicos da chegada de tempestades, mas não é o caso. Essas rajadas de hoje ocorreram devido ao contraste de massas de ar”, explicou o meteorologista.

Ainda segundo Villela, a previsão é que nos próximos dias o frio comece a ir embora e as temperaturas comecem a se elevar gradativamente em Campo Grande. “A tendência é que vá diminuindo os ventos a medida que a temperatura vai subindo. Para esta terça-feira (14) a previsão para Campo Grande é de mínima de 9ºC e máxima de 26ºC”, completou o meteorologista.

No local da queda do galho, dois servidores da Seintrha confirmaram que a árvore está condenada e a previsão é que seja removida nesta terça-feira.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions