A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

19/03/2013 15:42

Capital repassa a comerciante tarefa de recolher Ades contaminado

Em todo país, 14 pessoas sofreram queimaduras depois de consumir bebida de soja

Nícholas Vasconcelos

A Prefeitura de Campo Grande repassou para os comerciantes a responsabilidade de recolher a bebida de soja Ades, que foi contaminada com produto de limpeza durante o processo de fabricação.

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) determinou a suspensão da venda do produto depois que 14 pessoas sofreram queimaduras ao consumir a bebida. Quem consumir a bebida, pode sofrer queimaduras na boca, esôfago e até estômago.

Em nota, a Prefeitura alega que é impossível percorrer todos os estabelecimentos comerciais da cidade para fazer a retirada do produto das prateleiras.

A recomendação é para que os fiscais da Vigilância Sanitária Municipal recolham as caixas das bebidas durante visitas de rotina.

Na segunda-feira (18), a Anvisa suspendeu a venda de todos os produtos da linha Ades depois que pessoas passaram mal. Segundo a Unilever, fabricante da bebida, uma falha na fábrica de Pouso Alegre (MG) fez com que os vasilhames recebessem uma solução de limpeza ao invés de suco de maçã.

Estão proibidos a fabricação, distribuição, comercialização e consumo das bebidas produzidas nas 11 linhas de produção da cidade mineira. O lote que deve ser proibido tem gravadas as letras “AG” nas caixas.

O fabricante afirma que o lote foi distribuído para o Rio de Janeiro, São Paulo e Paraná e tem 96 unidades.

De acordo com a Anvisa, a recomendação é para que o consumidor não consuma os produtos. Em caso de queimaduras ou outros sintomas, procure imediatamente o médico.

Para troca ou reembolso do produto, é preciso entrar em contato com a Unilever pelo telefone 0800-707-0044, das 8h às 20h, pelo horário de Brasília.

Anvisa proíbe venda do suco da marca Ades no Brasil
A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) determinou a suspensão da fabricação, distribuição e comercialização do suco Ades, da Unilever, e...
Anvisa suspende venda de produtos da marca Ades
Resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspende a fabricação, a distribuição, a comercialização e o consumo, em todo o territ...
Homem é preso por se masturbar ao lado de mulher dentro de ônibus
Um homem de 34 anos foi preso na manhã desta terça-feira (12) por se masturbar dentro de um coletivo que fazia a linha 080, entre centro e o terminal...


Claro que não é possível. O Bernal demitiu todo mundo!!!
 
Bruno Nodes em 19/03/2013 17:05:51
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions